Arraiá da Serra foi realizado com sucesso mais uma vez em Tangará

Mais uma edição do tradicional Arraiá da Serra foi realizada em Tangará da Serra e mais uma vez o evento foi um sucesso absoluto de público. Mesmo com o forte frio que tomou conta da cidade nas três noites do evento, a população prestigiou as apresentações do Concurso Viva São João e o show da banda Flor de Liz que animou o público presente durante as três noites da festa.

O Secretário Municipal de Turismo, José Bernadino, avalisou positivamente o evento. “Foi uma grande festa. Tudo aconteceu dentro do planejado, menos o frio, mas mesmo assim o tangaraense demonstrou que prestigia os eventos de sua cidade e compareceu em peso. Quero agradecer o Prefeito Fábio Junqueira que nos permitiu realizar essa grande festa”, destacou.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Tangará receberá mais dois médicos do programa Mais Médicos em julho

Os médicos irão atender nas Unidades de Saúde da família

A secretaria de Saúde de Tangará da Serra será contemplada no próximo mês com mais dois médicos para atender nas Unidades de Saúde da Família. De acordo com o prefeito do município, Fábio Martins Junqueira (PMDB), a notícia veio do Ministério da Saúde depois da avaliação do programa Mais Médicos, feita pelo órgão neste mês. “A avaliação em relação a eficácia do programa aplicado em Tangará foi muito positiva aos olhos do Ministério da Saúde, e isso fez com que recebêssemos estes dois médicos que irão somar a nossa equipe a partir de julho, isso mostra que a implantação do programa foi muito boa para o município”, comentou Junqueira, ao destacar que os novos médicos são estrangeiros e que chegam ao Brasil, precisamente em Cuiabá, no dia 29 de junho, onde participarão de uma capacitação feita pela secretaria de Saúde do Estado juntamente com a Universidade Federal de mato Grosso. “Assim que eles chegarem, passarão pela fase de acolhimento, isso faz parte do processo de adaptação, mas logo após essa fase, eles virão para Tangará da Serra”, disse.

Segundo Junqueira, a Saúde pública de Tangará contava com nove médicos provenientes do Programa de Valorização do Profissional da Atenção Básica (Provab), que deixaram de atuar no município, pois o programa é oferecido pelo Governo Federal e tem prazo de um ano. “Então estes novos médicos chegarão em uma boa hora para suprir a demanda”, comentou o prefeito, informando que, atualmente, 21 médicos do programa Mais Médicos, que tem a duração de três anos, atuam nas Unidades de Saúde da família, proporcionando um atendimento individualizado para a população de cada área de cobertura.

Junqueira faz avaliação positiva de médicos estrangeiros

Quando se comenta sobre médicos estrangeiros, as opiniões se divergem dentre a população. Mas segundo o prefeito Fábio Junqueira, a avaliação feira pela secretaria de Saúde de Tangará da Serra em parceria com a Ouvidoria municipal tem sido positiva. “Preocupados com a qualidade do atendimento médico, fizemos um trabalho de pesquisa por meio da secretária de Saúde com os pacientes atendidos por médicos estrangeiros, para saber qual é a aceitação da população em relação a esses médicos, e ao meu ver foi muito positiva”, comentou Junqueira, informando que dentre os 21 médicos que fazem parte do programa Mais Médicos, apenas quatro são brasileiros, enquanto os demais vieram de diversos países, incluindo Cuba e México. “Vejo o que o atendimento destes médicos supre a necessidade da população que busca atendimento na Unidade de Saúde, tendo em vista que os trabalhos desenvolvidos pela Atenção Básica envolve muito mais do que um atendimento curativo, está ligado principalmente ao atendimento preventivo, o que tem sido eficaz”, finalizou o prefeito.

Fonte: Kelli Krause - Redação DS

Zedeca quer colocação de meio-fio nas ruas que receberem asfalto

“Assim que fizer o asfalto, viabilize também a colocação do meio fio”, disse o vereador

Melquezedeque Ferreira Soares (PMDB) pediu esta semana ao prefeito Fábio Junqueira (PMDB) que viabilize recursos para que a Secretaria Municipal de Infraestrutura possa colocar meio-feio nas ruas já pavimentadas e nas que receberão asfalto este ano. O vereador lembrou que há poucos dias o Legislativo aprovou recursos para mais de 100 mil metros quadrados de asfalto em cinco bairros da cidade, e pediu atenção do Município para conservação da camada asfáltica.

“O que estamos propondo ao poder público que, assim que fizer o asfalto, viabilize também a colocação do meio fio, visando a proteção da pavimentação. A Prefeitura realizar esta ação em todas as ruas que já receberam as melhorias com o asfalto e nestas que serão asfaltadas este ano, para que o serviço seja completo”, afirmou o vereador Zedeca.

O vereador explica a importância da colocação ao lembrar que o meio-fio impede que a pista seja atingida pela erosão. Além disso, ajuda a escorrer as águas das chuvas para fora do asfalto, fazendo com que não se formem buracos. O vereador cita como exemplo o Jardim Nossa Senhora Aparecida, onde os moradores temem que o próximo período chuvoso venha a danificar o asfalto.

“É uma obra considerada de vital importância para conservação da pavimentação, especialmente no período chuvoso, mas esteticamente também, então fazemos a sugestão e esperamos ser atendidos”, diz Zedeca.

REQUERIMENTO – O vereador também encaminhou requerimento à Secretaria Municipal de Infraestrutura solicitando a previsão de pavimentação a ser realizada nas ruas 7, 9 e 11 do Jardim Nossa Senhora Aparecida. De acordo com Zedeca, as informações têm sido cobradas pelos moradores.

Fonte: Marcos Figueró - Assessoria Câmara Municipal

Saturnino quer taxas de renovação da CNH iguais para idosos

Na atual tabela de taxas do Detran/MT para renovação de CNH, o idoso paga o mesmo valor dos demais condutores, com diferença de que os idosos renovam a habilitação de 3 em 3 anos e os outros condutores de 5 em 5 anos

O deputado Saturnino Masson (PSDB) fez uma indicação ao governo do Estado para adequação e ajustamento da taxa de renovação da CNH- Carteira Nacional de Habilitação - para Idosos. Na atual tabela de taxas do Detran/MT para renovação de CNH, o idoso paga o mesmo valor dos demais condutores, com a diferença de que os idosos renovam a habilitação de 3 em 3 anos e os outros condutores de 5 em e anos. 

A proposta da indicação ao governo do Estado é que seja elaborada uma tabela de taxas de renovação de CNH, do DETRAN MT, baseado na Política Nacional do Idoso, lei nº 8.842, de janeiro de 1994, que é promover e defender os direitos da pessoa idosa, bem como zelar pela aplicação das normas sobre o idoso determinando ações para evitar a abusos e lesões a seus direitos. 

De acordo com Saturnino Masson a cobrança sobre a renovação das CNHs dos idosos, se não é injusta, é imoral." O idoso paga o mesmo valor, para o mesmo serviço, porém, com validade diferente. Como explicar isso? Nossos idosos estão sofrendo injustiça todas as vezes que renovam suas CNHs. O nosso entendimento é que o DETRAN MT está atuando com “um peso e duas medidas”, declarou o parlamentar. 

Se for analisar que um idoso, faz a renovação de sua CNH por 3 vezes, ou seja, em 9 anos ele estará pagando o valor de R$ 638,80. Enquanto o condutor comum fará 2 renovações, com a validade para 10 anos e o valor de R$ 423,20. 

"Fica então comprovado que o idoso paga mais por menos tempo. O valor da taxa deverá ser proporcional ao tempo de validade para a renovação da CNH dos idosos", justificou Saturnino. 

Fonte: ROSANGELA MILLES/Assessoria de Gabinete