Educação de Tangará se destaca e atinge média superior a nacional

Município repetiu bom desempenho apresentado em pesquisas anteriores

O Ministério da Educação divulgou nesta segunda-feira, dia 03 de setembro, um detalhado comparativo do desenvolvimento de Estados, Municípios e escolas que permite uma visão geral do ensino no país através do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb).

Conforme a estatística, no ano de 2017 a meta foi cumprida apenas nos anos iniciais do ensino fundamental, etapa que vai do 1º ao 5º ano. A categoria alcançou 5,8 (em uma escala que vai de 0 a 10), quando a meta estipulada era de 5,5.

Apesar dos resultados pouco favoráveis em nível nacional, o desempenho alcançado na rede pública de ensino em Tangará da Serra é positivo. Com a meta estipulada para 5.2, a média geral das escolas públicas dos 4º e 5º anos chegou a 6.2. Nas 8º e 9ª séries, o resultado também foi satisfatório, chegando na meta de 5.3.

Câmara abre inscrições para Concurso de Contador

Edital foi publicado no DS, desta segunda-feira

A Câmara Municipal de Tangará da Serra divulgou nesta segunda-feira, dia 03, edital elaborado pela Comissão Organizadora de Concurso (Portaria 32/2018), em que torna pública a abertura das inscrições ao Concurso Público de Prova Escrita, para provimento de uma vaga para o cargo de contador. O salário oferecido é de R$ 4.491,84 para 40 horas semanais e os candidatos devem ter concluído ensino superior em Ciências Contábeis, com registro no Conselho da categoria.

Os interessados devem se inscrever pela internet, no endereço eletrônico www.saber.srv.br, entre o dia 3 de setembro de 2018, até as 23h59 do dia 3 de outubro de 2018. A prova escrita objetiva e dissertativa será realizada no dia 21 de outubro, em local e horário a ser divulgado no edital de homologação das inscrições.

O Edital completo, com seus respectivos anexos, pode ser encontrado nos endereços eletrônicos www.saber.srv.br, www.tangaradaserra.mt.leg.br e também afixado no mural na Câmara Municipal de Tangará da Serra. 

Fonte: Assessoria

Veja como as mudanças do tempo podem afetar a sua saúde!

Sol em um dia, chuva no outro. Calor durante à tarde, frio à noite. Essas mudanças bruscas de temperatura ocorrem com frequência, especialmente no centro-sul do país. As frentes frias e as massas de ar polar são os principais sistemas meteorológicos responsáveis por essas viradas. O problema é que a rápida variação de tempo e temperatura pode afetar nossa saúde. Começam os espirros, crises alérgicas, resfriados e gripes!

Efeitos na saúde

O inverno no centro-sul do Brasil é marcado por grande amplitude térmica, que é a diferença entre a temperatura máxima e a mínima de um dia. Então, temos tardes muito quentes e noites frias.

Toda essa variação de temperatura em um só dia impacta nossa saúde. De acordo com o Dr. Fábio Marangoni Gil, Otorrinolaringologista, médico parceiro do Consulta do Bem, essas mudanças podem provocar reações alérgicas. “Aquelas pessoas que sofrem de rinite, bronquite ou asma têm seus sintomas desencadeados ou exacerbados quando são expostas a essas alterações”, explica, “Além disso, crianças pequenas e idosos são grupos que têm mais chance de apresentar algum tipo de reação”.

Mutirão de Conciliação chegou ao fim com 2.241 parcelamentos efetuados

u
Valores ainda não estão nos cofres públicos

A Procuradoria Municipal de Tangará da Serra, em parceria com a Secretaria de Estado de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc), finalizou nesta sexta-feira, dia 31 de agosto, o Mutirão de Conciliação Fiscal, que desde o dia 20 do mês passado vinha proporcionando aos contribuintes inadimplentes a oportunidade de regularizarem seus débitos com o Município.

De acordo com a procuradora municipal, Cristina Lucena, a população atendeu ao chamado e compareceu para efetivar as negociações.

Durante os dez dias do mutirão foram efetivados 2.241 parcelamentos, totalizando R$ 4.217.256,96 em valores negociados, como informa a procurado. “A administração municipal, agradece a todos os contribuintes que compareceram a biblioteca municipal e buscaram resolver sua situação. O valor negociado foi considerável e em muito contribuirá com o município, bem como com seus munícipes, uma vez que os recursos serão aplicados na implementação de políticas públicas”, destacou a responsável, ao salientar que esses valores ainda não estão nos cofres públicos, uma vez que muitos deles foram negociados em até 48 vezes.