Prefeito acompanha posse da nova Patronagem do CTG Aliança da S

O Centro de Tradições Gaúchas (CTG) Aliança da Serra, de Tangará da Serra, está com diretoria nova. Foi empossada na manhã do último sábado, com o tradicional Café de Chaleira, a nova Patronagem é composta pelo Patrão Jeferson Zucchi, pelo vice-patrão, Gilberto Geremia e mais quatro membros. A patronagem é composta ainda por mais quatro diretorias, sendo elas: de bocha, futebol, invernada e patrimônio.

O Prefeito de Tangará da Serra, Fábio Martins Junqueira, prestigiou a posse do novo Patrão e parabenizou à diretoria empossada. “Desejo sucesso e sorte nessa caminhada. O CTG é um marco cultural para Tangará da Serra e tão bem representa essa rica cultura gaúcha”, salientou Junqueira.

Com 28 anos de fundação o CTG Aliança da Serra, sob a condução de Jeferson Zucchi, prepara uma intensa programação de ações para esse ano. Entre elas está a organização das invernadas artísticas, já tradicionais. “Uma de nossas metas é exatamente a condução das invernadas, nos preparando para as competições que viram pela frente, tanto em Mato Grosso, quanto a nível de Brasil”, destacou.

O Patrão elencou ainda como prioridade a construção de uma pista de caminhada, aproximação com os novos associados, construção de mais um palco para danças e revitalização da área. Outra ação priorizada por Zucchi é a Semana Farroupilha. “A cultura gaúcha é muito rica e uma de nossas metas fundamentais é a difusão da nossa cultura”, salientou.

Por Diego Soares - Assessoria de Imprensa

Prefeito e Secretário anunciam Mutirão de Limpeza na Vila Olímpica

“Quem puder ajudar, tiver essa boa vontade de participar dessa ação, será muito bem vindo. Estão todos convidados”, frisou Bezerra

A Vila Olímpica Rei Pelé receberá um mutirão de limpeza em toda sua área, nesta quinta-feira a partir das 7h30. A informação foi repassada pelo Prefeito de Tangará da Serra, Fábio Martins Junqueira e pelo Secretário Municipal de Esportes, Wellington Bezerra. Segundo os gestores, o mutirão envolverá funcionários da própria Secretaria, servidores em geral, comunidade esportiva e a população.

“Quem puder ajudar, tiver essa boa vontade de participar dessa ação, será muito bem vindo. Estão todos convidados”, frisou Bezerra. O Secretário confirmou que o mutirão é uma necessidade considerando a extensão de toda a área da Vila Olímpica. “A Vila se tornou um ponto de referência para quem gosta de práticas esportivas. O espaço é amplo, seguro e está necessitando de uma limpeza geral. Dessa forma, pensando até na economia do dinheiro público, considerando as inúmeras prioridades existentes atualmente, pensamos no desenvolvimento do mutirão envolvendo toda a comunidade”, pontuou Bezerra.

Fabio Junqueira parabenizou a iniciativa do Secretário. “São ações necessárias que devem sempre ser adotadas. O cidadão e a cidadã tangaraense sempre participam das atividades públicas e esse mutirão na Vila Olímpica é uma oportunidade de colaborarmos diretamente e efetivamente com os trabalhos que são desenvolvidos pelo Município. As áreas públicas, como já diz o nome, são de todos, a Vila Olímpica é um patrimônio do cidadão tangaraense”, afirmou o Prefeito.

Por Diego Soares - Assessoria de Imprensa

Claudinho Frare sugere ciclovia na MT 480 até Comunidade Linha 12

A segurança, defende o parlamentar, é o principal benefício

Claudinho Frare (PSD) apresentou na Câmara Municipal sugestão ao Poder Executivo Municipal de construção de uma ciclovia às margens da MT 480 entre o Jardim Morada do Sol e a Comunidade Linha 12. O vice-presidente da Câmara lembra que as margens da rodovia já possuem ciclovia entre em um trecho (até o Morada do Sol), que é muito bem utilizada pela população. “O que esperamos é que o Município perceba a importância da ciclovia para a segurança dos moradores daquela região. Sabemos dos custos, mas entendemos que é relativamente baixo diante dos benefícios”, explica o vereador Claudinho Frare.

Frare lembra que a construção da ciclovia também tem reflexo na prática esportiva. Segundo ele, é grande o crescimento da prática do ciclismo como esporte e hobby. A segurança, defende o parlamentar, é o principal benefício tanto para os trabalhadores que usam suas bicicletas diariamente, como para os desportistas. “A ciclovia vai evitar acidentes, com toda certeza. E isso é necessário, uma vez que o fluxo de veículos naquela rodovia é grande e o número de ciclistas e pedestres também é”, afirma Frare.

MAIS MOVIMENTO - Frare alerta que a região deve ficar ainda mais movimentada com a abertura de um novo loteamento na região. O Buritis já está bastante habitado e ainda este ano deve ser lançado o Buritis II, com mais de 1.400 lotes. “A cidade está crescendo e aquela região está crescendo muito. Isso é muito bom para as pessoas que estão construindo suas casas, é bom para o desenvolvimento da cidade e torna ainda mais importante essa preocupação do poder público com a construção dessa ciclovia”, afirma o vereador Claudinho Frare.

Por Marcos Figueiró - Assessoria de Imprensa