Solenidade no Congresso Nacional homenageia Cuiabá

O Congresso Nacional homenageou a capital de Mato Grosso, Cuiabá, que completa 300 anos na próxima segunda-feira, 8. A Sessão Solene aconteceu no Plenário do Senado nesta sexta-feira, 5, e chamou a atenção de todo o Brasil para as tradições, culinária, hospitalidade e a alegria do povo cuiabano. O evento foi conduzido pelo senador Wellington Fagundes (PR/MT) - líder do bloco Vanguarda - e o deputado federal Emanuel Pinheiro Neto (PTB/MT) - autores do requerimento de realização da solenidade. Ambos destacaram o potencial turístico, econômico e agroindustrial da capital mato-grossense. 

Wellington aproveitou a oportunidade para reiterar o trabalho que toda a bancada federal tem feito para ampliar a malha ferroviária, de forma que o Estado cresça econômica e socialmente. “Não desistimos da ferrovia até Cuiabá, um sonho do eterno senador Vicente Vuolo. Continuamos empenhados neste desafio: que os trilhos da Ferronorte passem por Cuiabá e sigam até a Região Norte de Mato Grosso, fazendo com que o Estado se desenvolva de forma integrada. Não adianta uma região estar bem e outra mal”. 

Já o deputado federal Emanuel Pinheiro Neto destacou que Cuiabá comemora os 300 anos projetando o futuro da capital. “Precisamos planejar como será o futuro de Cuiabá, como podemos, juntos, construir os próximos 300 anos da nossa Cidade Verde, sempre pensando no bem-estar da população”. 

Também esteve presente na solenidade o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, que destacou o potencial industrial e econômico, ainda pouco explorado. “Esse é um grande desafio para todos nós. Precisamos preparar nossa capital para o futuro, com base no potencial econômico e industrial que ela possui. Nossa capital é pujante, tem inúmeras oportunidades para todos, e nós precisamos projetar todo esse potencial de forma a gerar emprego, renda e qualidade de vida para todos os cuiabanos”, completou o gestor. 

Participaram, ainda, da solenidade, o embaixador do Reino da Tailândia, Surasak Suparat, o prefeito de Santo Antônio de Leverger, Valdir Pereira Filho, o vereador de Cuiabá, Luiz Cláudio, o secretário de meio ambiente e desenvolvimento urbano de Cuiabá, Juares Samaniego e lideranças comunitárias da capital. 

Fonte: Reportagem Diário de Cuiabá

Claudinho Frare e Hélio da Nazaré pedem federalização de rodovia a Bolsonaro

Claudinho Frare (PSD) e Hélio da Nazaré (PSD) pediram ao deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) que entregue ao presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL) ofício em que pedem a federalização do trecho de rodovias estaduais – MT 246, MT 343 e MT 358 – entre Jangada e o entroncamento com a BR 364. Numa conversa de pouco mais de 10 minutos, os vereadores também pediram apoio de Eduardo Bolsonaro para a proposta.

“Ele foi realmente muito solícito, nos atendeu muito bem e disse que os pedidos serão entregues em mãos ao presidente. Isso não significa que está tudo resolvido, mas é um grande passo nessa luta que não é apenas de Tangará da Serra, mas de toda a nossa Região”, afirmou o vereador Claudinho Frare, ao defender que a federalização trará reflexos positivos para a economia da região, garantindo uma estrada de melhor qualidade.

Na quinta-feira, dia 04, Frare e Hélio da Nazaré foram até Primavera do Leste, onde Eduardo Bolsonaro participava da 5ª edição da Farm Show, uma das maiores feiras agropecuárias de Mato Grosso. Além do pedido pela federalização da principal via de acesso a Região, os tangaraenses também solicitaram a instalação da Justiça Federal em Tangará da Serra.

Para os vereadores, a implantação da Justiça Federal não apenas agilizará o atendimento aos moradores dos municípios do entorno de Tangará da Serra, como melhorará as ações de segurança uma vez que o núcleo quando implantado conta com órgãos como a Polícia Rodoviária Federal e a própria Polícia Federal. “Esse é um anseio antigo de Tangará da Serra e como se iniciou um novo Governo, entendemos que era necessário que esse pedido chegasse as mãos do novo presidente da República”, explicou Hélio da Nazaré.

Fonte: Marcos Figueiró - Assessoria de Imprensa