Professores conhecem novas ferramentas para superar os desafios em sala de aula

Edição 2019 do Encontro Estadual apresentou temas importantes para promover uma educação transformadora nas escolas, nas famílias e sociedade

Desafios da educação na ausência de regras, educação inclusiva e suas transformações, abordagem coaching no relacionamento com os alunos e a necessidade do professor ser um constante “aprendente” foram os temas que nortearam o 8º Encontro Estadual do Programa A União Faz a Vida, realizado nos dias 26 e 27 de junho, em Cuiabá. O evento é promovido pela Central Sicredi Centro Norte, que abrange os estados de Mato Grosso, Rondônia, Pará e Acre, e reuniu cerca de 500 educadores e gestores escolares para dois dias de formação e celebração.

Profissionais da educação de 27 municípios mato-grossenses marcaram presença no evento e foram para suas cidades cheios de informações e novas ideias para colocar em prática, alinhadas com a metodologia do Programa A União Faz a Vida, que é o principal projeto social do Sicredi, desenvolvido há 14 anos no Estado e há 24 anos no país. Em Mato Grosso, mais de 69 mil crianças e adolescentes são atendidos, sob a orientação de 3,4 mil educadores, em 258 escolas públicas e privadas.

Capuerê Tangará se destaca na Copa Nortão de Capoeira

Evento reuniu capoeiristas de várias partes do Brasil e do mundo

Durante os dias 6 e 7 de julho, Lucas do Rio Verde tornou-se a capital mundial da capoeira. A Copa Nortão de Capoeira reuniu capoeiristas de várias partes do Brasil e do mundo. Ao todo, 30 delegações participaram da competição, sendo 27 vindas de várias cidades do Estado de Mato Grosso, uma de Alagoas, uma de Brasília e uma de Goiânia. O evento foi abrilhantando pela presença do mestre Mola, que veio de Paris especialmente para participar do evento.

Fazendo parte desse grande evento, o grupo Capuerê de Tangará da Serra adquiriu conhecimento e ainda trouxe para casa ótimos resultados: Polegar conquistou o quarto lugar na Categoria Infantil; Foguete ficou em terceiro, na Infantil mascote de 7 a 10 anos; Maré Cheia em segundo lugar, na categoria acima de 18 anos; Lacinho também em segundo, no infantil feminino; e Fala Fina, também na categoria infantil, conquistou a primeira colocação. “Foi muito emocionante mostrar o trabalho que Tangará está realizando com essas crianças”, destaca o mestrando Paraná, ao agradecer o apoio da Prefeitura Municipal, CMDCA, FIA E Unicef, Secretarias de Assistência Social e Esportes. “Todos que colaboram com o projeto”.

Todos os participantes da Copa Nortão de Capoeira receberam certificado de participação. Os campeões de cada categoria receberam troféu e medalhas. (Com informações da Assessoria)

Fonte: Fabiola Tormes - Redação DS