Infestação do Aedes cai 91% em Tangará


A Secretaria Municipal de Saúde de Tangará da Serra, por meio da Vigilância em Saúde Ambiental, realizou mais um Levantamento de Índice Rápido para Aedes aegypti (LIRAa), que apontou uma queda significativa de 91.52% em comparação com as últimas pesquisas realizadas nesse ano. 

Conforme o resultado, no levantamento realizado no mês de março Tangará da Serra apresentava risco de epidemia, com alarmante 7.1% de infestação. Já na última pesquisa, o Município apresentou queda brusca nos números, chegando em 0.6%.

De acordo com o secretário de Saúde, Itamar Bonfim, o resultado foi mais que satisfatório, sendo que a meta estipulada pelo Ministério de Saúde é que o índice não ultrapasse 1%.

“Isso é resultado do trabalho efetivo que vem sendo realizado pela nossa equipe, que alcança mais de 85% de cobertura em todas as localidades através de revisão e tratamento. Onde nossos agentes acham larvas, já fazem o trabalho de tratamento. A cobertura nas residências, terrenos e borracharias é essencial, então parabenizo nossa equipe”, elogiou o secretário, destacando que a população também tem feito o dever de casa.

Serraprev instala Academia para Servidores

Fortalecer os músculos e as articulações; diminuir o risco de diversas doenças, o estresse, a depressão e a ansiedade. Esses são alguns dos benefícios da prática de exercícios na academia ao ar livre, que, além de contribuir com a saúde, também contribui com o bolso, pois sua prática é gratuita. 

Pensando nesses e outros benefícios, que o Instituto Municipal de Previdência Social dos Servidores do Município de Tangará da Serra (Serraprev) instalou em sua sede uma academia ao ar livre aos servidores. “Uma academia para os servidores da ativa, aposentados e pensionistas”, afirma o diretor Heliton Luiz de Oliveira (Leto), ao destacar que o conjunto de aparelhos foi adquirido pelo Instituto Municipal, com recursos próprios. “Foi um investimento de R$ 15 mil, com principal intuito de melhorar a qualidade de vida dos servidores”. 

Câmara discutirá Legislação do Samae no próximo dia 29

Claudinho Frare (PSD) presidirá a Audiência Pública que vai debater a atualização da legislação referente ao Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae) de Tangará da Serra. O vereador é autor do requerimento 051/2018, aprovado na sessão do dia 12 de abril, que propôs a discussão do tema.

“O objetivo da Audiência Pública é debater os problemas existentes nas cobranças dos serviços do Samae e a necessidade de atualização da legislação. Nós entendemos que há pontos que podem ser alterados, principalmente para que a atualização dos valores fique atrelada a aprovação por parte da Câmara Municipal, uma vez que hoje não é isso que acontece”, conta o vereador Claudinho Frare, ao lembrar que recentemente o Poder Executivo Municipal promoveu aumento da conta de água através de decreto.

Além disso, explica Frare, há outros pontos na legislação que permitem cobranças consideradas por ele injustas, como a possibilidade de que taxa de esgoto e lixo sejam cobradas de imóveis fechados. “Estamos fazendo um levantamento completo dos pontos que podem ser melhorados na nossa legislação e vamos levar isso para ser discutido com a sociedade”.

A audiência será realizada no próximo dia 29 de junho, às 19h. 

Marcos Figueiró
Assessoria de Imprensa