Tangará será a 1ª de MT a ter 90% de saneamento básico

Prefeitura pleiteia verbas do PAC II para atingir 90% de cobertura de esgoto

Esgoto é uma raridade no Brasil. Em todo o país apenas 48,1% da população tem acesso a este bem tão importante. Em Mato Grosso a situação é ainda pior, apenas 19,1% dos municípios tem cobertura de coleta de esgoto, em Tangará da Serra a cobertura é de cerca de 30%. Entretanto, o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC II), do Governo Federal, tem aos poucos mudado essa triste realidade. Atualmente já estão sendo executadas obras em vários pontos da cidade proporcionando um aumento de mais de 40% na cobertura, atingindo 70% das residências com a execução da sobras já contratadas. Porém, recentemente aconteceu a assinatura do edital da segunda fase do PAC II e dois projetos de Tangará da Serra foram contemplados, sendo um na área de pavimentação asfáltica e outro na área de saneamento, que propiciará uma cobertura de até 90% das residências da cidade. De acordo com o prefeito Fábio Martins Junqueira (PMDB) ainda não houve a celebração de convênio, mas isso representa um grande avanço, pois o Município conseguiu incluir dois projetos no Programa. "Os projetos foram aprovados, houve a abertura de edital, houve os prazos para apresentação de propostas, cumprimos os prazos e apresentamos as propostas, o Governo Federal solicitou informações e nós enviamos. Houve agora a assinatura do edital do PAC II onde entram duas obras para Tangará da Serra, uma de saneamento que implica na continuidade do que já está em andamento e o de pavimentação", disse. O de saneamento, segundo o prefeito dependerá de recursos do Orçamento Geral da União (OGU) e não há data definida para a celebração do convênio, Já o de pavimentação está vinculado a recursos do BNDES. "É um projeto financiável, onde o BNDES entra com os subsídios e o Município paga parcelas em vários anos", disse Fábio.

Projeto executivo será encaminhado a Caixa

Com a aprovação dos dois projetos tangaraenses junto ao Governo Federal, agora o Município começa a providenciar o projeto executivo das propostas. O prefeito Fábio Junqueira explica que só a partir da celebração dos convênios é que se terá a certeza de que os investimentos virão. "O que faremos agora é a apresentação de dados e documentos para a Caixa Econômica Federal para a aprovação final, depois é só aguardar a celebração dos convênios para que possamos fazer a licitação, que só é feita após a aprovação do projeto executivo pela Caixa", disse. O prefeito destacou ainda que Tangará da Serra, caso se efetive o intento, será a primeira cidade de Mato Grosso a contar com 90% das casas servidas com esgotamento sanitário. "É muito importante isso tanto do ponto de vista da vinda dos recursos quanto em função do que representa no estado e no país, pois a grande maioria das cidades não tem quase nada de saneamento e Tangará tão jovem alcançar esse volume é muito importante", destacou.

Fonte: Redação DS

Prefeito recebe certificado de participação no PDI do TCE

O Prefeito de Tangará da Serra, Fábio Junqueira, recebeu do Tribunal de Contas de Mato Grosso (TCE-MT) o certificado de participação do Programa de Desenvolvimento Institucional Integrado (PDI). Além de Junqueira, outros 19 prefeitos, secretários estaduais de Saúde, Planejamento e Educação e da Defensoria Pública receberam os certificados do programa que busca atingir objetivos formulados no Plano Estratégico dos Municípios, no sentido de contribuir para a melhoria da eficiência da administração pública e de aperfeiçoar o sistema de controle externo.

O TCE realizou o acompanhamento técnico das capacitações realizadas com os gestores para a elaboração dos Planos. O conselheiro presidente do Tribunal, José Carlos Novelli, foi quem entregou o certificado ao prefeito tangaraense e ressaltou que a entrega dos certificados é um reconhecimento de sua contribuição para a visão de futuro e de seu compromisso com a sociedade. “É uma valorização para quem entendeu a importância do chamamento que o TCE fez para a implantação para cultura do planejamento, para a melhoria do serviço e da gestão pública e aplicação do recursos públicos”, afirmou o Conselheiro.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Prefeito entrega escritura de terreno para Casa da Criança

A Casa da Criança que tinha sua sede construída em um terreno que ainda pertencia ao Município agora já pode comemorar: o prefeito Fábio Junqueira entregou a escritura à diretoria da entidade, transformando o terreno em propriedade da Casa durante uma reunião que aconteceu na sede do Poder Executivo.

Junqueira realizou a entrega da escritura na presença do Governador do Rotary Internacional, Distrito 4440, José Eustáquio da Silva. “A Casa da Criança é uma entidade que presta um serviço de extrema importância para a nossa sociedade. Não poderia deixar de entregar essa escritura. A sede já havia sido construída com o esforço daqueles que se dispuseram a contribuir através da entidade, dessa forma, nada mais justo que realizar a entrega dessa escritura onde a partir de agora tanto o terreno quanto a sede pertencem de fato à Casa da Criança”, destacou o prefeito.

José Eustáquio, afirmou que na condição de Governador do Rotary, buscou o prefeito para propor uma parceria ampla entre Município e entidades que desenvolvem ações humanitárias. “Vim pedir o apoio do prefeito, pois sei de sua sensibilidade para as causas sociais e de seu compromisso com entidades sérias, idôneas e comprometidas com o bem estar social”, salientou.

Fonte: Assessoria de Imprensa