Tangaraense participará de evento Mundial

O esporte de Tangará da Serra dessa vez ultrapassa as fronteiras brasileiras, isso porque um dos pioneiros do karatê nos estados do Paraná e Mato Grosso, radicado em Tangará da Serra há 27 anos, Antônio Felipe da Silva, mestre faixa preta 8º Dan, estará representando o Brasil no Mundial de Karatê (WUKF), que acontecerá em junho na cidade de Bucareste, capital da Romênia.

De acordo com o tangaraense, as expectativas estão excelentes. “Estou muito feliz e me sinto honrado em ser um dos representantes do Brasil nesse importante evento a nível internacional, no qual envolverá diversos países do mundo”, comentou Antônio Felipe.

Segundo ele, a Seleção Brasileira de Karatê Interestilos (CBKI), viajará no dia 1º de junho com destino a capital da Romênia para participar deste grande evento que reunirá ‘karatecas’ dos cinco continentes.

E para fazer bonito no Mundial, Antônio Felipe da Silva segue com treinos diariamente. “Estou me preparando, pois sou o único de Mato Grosso que faz parte da Seleção Brasileira. Estou treinando diariamente, pois além de dar aula eu treino individualmente”, argumentou.

Faltando aproximadamente um mês para a competição, agora o experiente ‘karateca’ segue se organizando, para que tudo ocorra bem na esperada viagem. “No momento estou a procura de patrocínio, até o momento estamos conversando com alguns empresários. É importante a ajuda das empresas, pois o estabelecimento estará sendo representado nesse grande evento”, informou Antônio Felipe da Silva.

Vale destacar que Felipe é um karateca que possui experiência em eventos internacionais, e que pretende representar bem o Brasil e se possível trazer uma medalha para Tangará da Serra. A equipe da Associação Olímpica está torcendo pelo seu Mestre neste Mundial de Karatê.

Fonte: Redação DS

1º Seminário de Piscicultura de Tangará começa na próxima sexta-feira

O evento é uma realização do Clube Amigos da Terra Parecis e do Sindicato Rural de Tangará da Serra, com o apoio da Prefeitura Municipal, através das Secretarias de Agricultura, Meio Ambiente e de Indústria e Comércio, SENAR, Associação dos Engenheiros Agrônomos de Tangará da Serra, Aprosoja – Núcleo Tangará da Serra e o SEBRAE com o patrocínio de Escama Forte, Rações VB Cardume e Reckfish Piscicultura.

O 1º Seminário de Piscicultura de Tangará da Serra será realizado nos dias 10 e 11 de maio de 2013, no auditório da OAB do município no primeiro dia e em uma área rural no segundo dia.

No Brasil as estatísticas sobre a piscicultura revelam que a atividade tem se mostrado economicamente muito viável, surgindo grandes empreendimentos em todo o país, sendo que, grande parte do volume de produção de peixes vem das pequenas propriedades. Mato Grosso é o primeiro Estado do País em produção de peixes nativos e o quinto em produção de pescado.

O objetivo do evento, segundo os organizadores, é permitir a transferência de tecnologia e troca de experiência sobre a piscicultura entre pesquisadores, técnicos e produtores da Região e demais localidades do Estado de Mato Grosso.

O evento será aberto oficialmente às 08 horas da manhã na sexta-feira (10), sendo que inscrições podem ser feitas no próprio local já a partir das 07h30min.


Na programação constam diversas palestras:


Dia 10/05:

08h15min - Piscicultura Comercial - A Tendência do Agronegócio, a ser ministrada pela Dr.ª Adriana Fernandes Barros da UNEMAT Pontes e Lacerda; Legislação Estadual de Fiscalização dos Pescados no Estado de Mato Grosso: Apresentação do Plano Safra da Pesca e Aquicultura com Marlene Alves de Assunção – Superintendente Federal do Ministério da Pesca e Aquicultura do Mato Grosso.

09h55min - Licenciamento Ambiental para a Piscicultura no Município de Tangará da Serra, com Anthero Luís dos Santos – Engenheiro Florestal.

10h30min - A Importância da Assistência Técnica Especializada na Implantação da Piscicultura, com André Luiz Scarano Camargo – Diretor da Escama Forte.

13h30min - Melhoramento Genético de Peixes com o Dr. Jayme Aparecido Povh – UFMS Campo Grande/MS.

14h25min - Manejo Nutricional de Peixes Nativos – Cria, recria, engorda e reprodução com o Msc. Thiago Matias Torres do Nascimento – Centro de Aquicultura da UNESP de Jaboticabal/SP.

15h35min– Doenças em Peixes Nativos: Principais Patógenos e Manejo Preventivo, com o médico veterinário Santiago de Pádua, da UNESP Jaboticabal/SP.

16h30min– Reprodução de peixes de Agua Doce, com a Dra. Divina Sueide, da UNEMAT Tangará da Serra/MT.

17h25min – Outorga para a utilização da Água, com o Msc. Décio Siebert – Presidente do CHB Sepotuba.

17h50min – Mesa redonda com a participação de todos os palestrantes.

Dia 11 de Maio:

A programação se desenvolverá no Sitio Pica Pau (Rodovia 358, entrada atrás da UNEMAT).

07h30min - Instruções Básicas para Construção e Manejo de Tanques na Piscicultura, com Francisco das Chagas de Medeiros, do SEBRAE/MT.

08h35min - Desafios e Oportunidades da Piscicultura Mato-grossense, com Dr. Fernando Macedo – Rações VB.

10h00min - Visita Técnica.

Fonte: Redação RP