Município divulga Edital das obras da estrada 11

A prefeitura de Tangará da Serra divulgou nesta segunda-feira o edital 003/CPL/2018, referente à licitação das obras de pavimentação da Estrada 11, que liga a MT-480 e o anel viário ao bairro Bela Vista, no acesso para Linha 12 e Deciolândia.

Além da pavimentação, o edital inclui drenagem de águas, ciclovia e calçada, perfazendo um valor de R$ 4.577.807,80, mais contrapartida de R$ 183.112,31 da municipalidade. A iluminação do trecho a ser pavimentado corresponderá a uma outra etapa a ser implementada pelo município.

Os recursos foram intermediados junto à Superintendência de Desenvolvimento do Centro Oeste (Sudeco) pelo vereador e suplente de deputado federal Rogério Silva (MDB), que atuou na Câmara Federal entre julho e novembro do ano passado.

Rogério Silva prevê uma fase de crescimento urbano naquela região da cidade. “Vamos perceber desenvolvimento e valorização daquela localidade urbana, mas o aspecto mais importante é o benefício direto aos moradores, que terão melhoria significativa de mobilidade e, também, de segurança”, observou, destacando que a cidade tem se expandido naquela direção, ao longo da MT-480.

Sergio Roberto / Assessoria

Vereadores conseguem emenda de R$ 250 mil

Claudinho Frare (PSD) e Professor Sebastian (PSB) receberam resposta positiva do deputado estadual Wagner Ramos (PSD) garantindo emenda de R$ 250 mil ao Orçamento do Estado para a realização do Curso Preparatório do ENEM em Tangará da Serra. A solicitação havia sido feita pelos vereadores no dia 17 de abril. Na ocasião eles argumentaram a necessidade do curso voltado a preparação de alunos do ensino público para o Exame Nacional do Ensino Médio.

“Solicitamos que o deputado garanta uma emenda parlamentar para realização de curso preparatório para o Enem aos alunos do ensino público, uma vez que a reprodução das desigualdades sociais tem sido uma das marcas permanentes do sistema educacional brasileiro, principalmente no que se refere à continuidade da escolarização na etapa do ensino superior para aqueles que se encontram em condições desfavoráveis de renda”, argumentaram os vereadores na indicação.

Frare e Sebastian lembram que a seleção promovida através do Exame Nacional do Ensino Médio talvez se configure em um dos momentos mais difíceis de todo o sistema educacional, pois coloca em condições igualitárias “candidatos” que, por diversas razões – sociais, históricas, econômicas e culturais – estão em franca disparidade no que atine ao conhecimento adquirido.

“Desse modo, a preparação dos alunos da rede pública somente com o ensino básico ofertado em sala de aula não é suficiente para que estes enfrentem avaliações como o ENEM”, explicam os vereadores ao defender a preparação dos estudantes através de curso preparatório ofertado pelo poder público.

RESPOSTA – No documento recebido da Assembleia Legislativa de Mato Grosso os vereadores foram informados de que a emenda foi confirmada junto ao Orçamento do Estado e devem ser disponibilizados os recursos para a realização do curso preparatório para o Enem em Tangará da Serra em data a ser confirmada pelo Governo do Estado. “É uma vitória para nossa cidade, especialmente para os alunos que serão beneficiados com conhecimentos que vão possibilitar que tenham acesso ao ensino superior”, avaliam os vereadores Claudinho Frare e Professor Sebastian.

Marcos Figueiró
Assessoria Câmara Municipal de Tangará da Serra