Mato Grosso alcança maior faturamento do agro no Brasil

Deputado Nininho já havia relatado, na Comissão de Agropecuária, os excelentes índices da exportação de carne bovina no mês de fevereiro.

De acordo com as novas informações divulgadas pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Mato Grosso passa a ser mais do que o maior produtor nacional de grãos e fibras, assumindo agora o ranking do maior faturamento do agro do Brasil. Os números foram apresentados pelo Jornal Diário de Cuiabá, na edição que circulou no dia 28 de março.

As informações deixam claro que, apesar da pequena queda em relação ao faturamento de 2018, o setor da pecuária garante avanço significativo anual. O setor deve movimentar mais de R$ 85 bilhões somente nesse ano.

Em referência ao crescimento da produção de carne bovina, o deputado estadual Ondanir Bortolini (PSD), Nininho, celebra e associa esse impulsionamento ao trabalho realizado pela CPI dos Frigoríficos, da qual foi presidente.

“Presidi a CPI dos Frigoríficos e trabalhamos para quebrar o monopólio que existia na cadeia de frigoríficos, o que fez com que novas plantas abrissem o credenciamento dessas plantas para exportação, elevando o estado ao patamar de campeão em exportação de carne bovina”, disse o parlamentar.

“Não podemos nos ater apenas nas questões de produção, comercialização e movimentação das lavouras e pecuária, mas também devemos lembrar que todo esse crescimento reflete diretamente nas novas oportunidades de empregos e na economia como um todo no estado”, finalizou Nininho.

Fonte: MARIANA SAGGIN / Gabinete do deputado Nininho

Botelho se licencia e Janaína assume AL

A deputada estadual Janaína Riva (MDB) irá assumir o comando da Assembleia Legislativa em abril. A emedebista substituirá o presidente do Parlamento, deputado estadual Eduardo Botelho (DEM), que irá se licenciar por 120 dias. 

O democrata deve apresentar o requerimento pedindo o afastamento na próxima semana, após a votação final do projeto de lei que autoriza o Executivo Estadual a contrair um empréstimo de US$ 332 milhões junto ao Banco Mundial. 

Deste montante, conforme o governador Mauro Mendes (DEM), US$ 250 milhões será utilizo para quitar a dívida de Mato Grosso com o Banc Of America. 

Botelho deve acompanhar todos os tramites da mensagem na Casa de Leis. Atualmente o processo está na Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR). Ele passou pela primeira votação na sessão plenária da última quinta-feira (28). 

Finalizando a aprovação da mensagem até quinta-feira (04), o democrata já deve entrar com pedido de licença. Com isso, Janaína assume o comando da Casa de Leis. Esta será a primeira vez que uma mulher irá presidir o Parlamento Estadual. 

“Obrigada por proporcionar a todas nós mulheres esse momento único. Vou corresponder a altura a sua confiança”, disse a emedebista ao deputado Botelho em uma publicação em sua rede social. 

A licença do presidente do Legislativo deve mexer, inclusive, na composição da Câmara Municipal de Cuiabá. Isto porque, assume em seu lugar na Assembleia o vereador Toninho de Souza (PSD), primeiro suplente da coligação Dante de Oliveira II, que reúne o DEM, PSDB e PSD. 

Para assumir a vaga no Legislativo Estadual, o social democrata não precisará renunciar de seu mandato de vereador graças a emenda na Lei Orgânica do Município, promulgada pela Câmara de Cuiabá, que permite aos vereadores ocupar cargos de senador, deputado federal e deputado estadual sem precisar renunciar à vaga no Parlamento Municipal. 

Diante disso, Toninho deve apenas pedir licença. Em seu lugar assume o primeiro suplente, Maurélio Ribeiro (PSDB). 

Fonte: KAMILA ARRUDA
Da Reportagem Diário de Cuiabá