Fábio Junqueira é eleito Vice-Presidente da AMM em chapa com Neurilan

Com 73% dos votos, a chapa liderada por Neurilan venceu a concorrente

O prefeito de Tangará da Serra, Fábio Martins Junqueira (MDB) foi eleito um dos vice-presidentes da Associação Matogrossense dos Municípios (AMM) nesta sexta-feira, 07, em chapa encabeçada pelo atual presidente Neurilan Fraga.

Com 73% dos votos, a chapa liderada por Neurilan venceu a concorrente. Esse será o terceiro mandato consecutivo do atual presidente. A chapa vencedora recebeu 82 votos contra 30 votos da concorrente. A posse dos eleitos está programada para janeiro.

“Parabenizo o Neurilan por mais uma eleição como presidente da AMM. Essa vitória demonstra o quanto nós prefeitos temos confiança na condução dada por ele à frente de uma entidade representativa de tamanha importância. Esse é o momento de pregarmos e defendermos unidade. Quem vence tem a responsabilidade de lutar por melhor representar os anseios de todos e quem não venceu, tem que unir esforços e colaborar”, salientou Junqueira.

Professor do Campus de Tangará da Serra é empossado na Academia Mato-grossense de Ciências Contábeis

O professor Magno Alves ocupa a cadeira número 48

O professor da Universidade do Estado de Mato Grosso, Magno Alves Ribeiro, que atua no campus “Eugênio Carlos Stieler” em Tangará da Serra tomou posse na Academia Mato-grossense de Ciências Contábeis (Amacic), na sede do Conselho Regional de Contabilidade em Cuiabá. Ele ocupa a cadeira nº 48, que tem como patrono o ex-professor Amilton Mendes dos Santos (falecido em 1998) que também atuou no Curso de Ciências Contábeis período de 1995 a 1998 onde ministrava as disciplinas de contabilidade geral, Contabilidade Comercial e Estágio Supervisionado.

A Academia Mato-grossense de Ciências Contábeis foi lançada durante a posse solene da nova diretoria do Conselho Regional de Contabilidade de Mato Grosso (CRCMT), presidida pela contadora Silvia Maria Leite Cavalcante. A Academia tem a missão de: Promover, divulgar, valorizar e incentivar o desenvolvimento e estímulo ao conhecimento histórico, filosófico, científico e tecnológico das Ciências Contábeis no Estado de Mato Grosso.

Na ocasião também tomou posse o professor da Universidade do Estado de Mato Grosso, José Ricarte de Lima, que atua no campus “Jane Vanini” em Cáceres. Ele ocupa a cadeira nº 19, que tem como patrono o professor Nicanor Duqueviz.

Fonte: Assessoria

Eleição da AMM tem duas chapas concorrentes

A comissão que irá conduzir a eleição da diretoria executiva e do conselho fiscal da Associação Mato-grossense dos Municípios, é composta por cinco prefeitos, e presidida pelo prefeito de Rosário Oeste, João Antônio da Silva Balbino. Duas chapas vão concorrer nesta sexta-feira (7). Em cada chapa, os prefeitos integram a diretoria e conselho fiscal, além do presidente de honra. 

Para votar os prefeitos devem estar associados e adimplentes com a instituição. “Esperamos que tudo transcorra normalmente e a partir do meio dia, já teremos o resultado de quem será o presidente da instituição”, disse ele, ao informar também que 123 prefeitos estão aptos a votar. 

A posse da diretoria que for eleita será realizada somente em janeiro, quando encerrará o mandato da atual gestão à frente da AMM

Candidatos à presidência da AMM apresentam propostas aos prefeitos

Prefeitos e prefeitas de todas as regiões do estado se reuniram nesta sexta-feira (07) para a eleição da nova diretoria e conselho fiscal da Associação Mato-grossense dos Municípios. O processo democrático conta com a participação de duas chapas: Municípios Unidos, AMM Forte (Chapa 1), que foi encabeçada pelo atual presidente da entidade, Neurilan Fraga, e AMM Mais Forte e Transparente (Chapa 2), liderada pelo prefeito de Araguainha, Silvio José de Morais Filho.

A condução do processo ficou a cargo da comissão eleitoral, composta pelos prefeitos de Rosário Oeste, João Balbino, de Arenápolis, José Mauro, de Juína, Altir Peruzzo, de Nova Marilândia, Juvenal Alexandre da Silva, e de Salto do Céu, Wemerson Prata. Os trabalhos foram iniciados com assinatura das cédulas utilizadas, que também foram conferidas pelos fiscais de ambas as chapas.

O presidente da comissão agradeceu à equipe de técnicos da Associação pelo apoio durante todo o processo e parabenizou os candidatos por se colocarem a disposição da instituição. “Quero parabenizar o Neurilan e o Silvinho por se colocarem à disposição de uma instituição tão grande como a AMM é perante o estado de Mato Grosso”, frisou.

Após a realização da primeira chamada às 09h, que não obteve quórum para início das votações, os membros da comissão se reuniram com os candidatos e, com o aval dos prefeitos presentes, ficou definido pela antecipação da segunda chamada. O objetivo era liberar os prefeitos presentes a votarem e, assim, liberá-los para cumprir outras agendas e retornar aos seus municípios. A mudança foi registrada na ata da eleição.

Foi disponibilizado aos dois candidatos o tempo de 10 min para apresentação de proposta. A ordem foi definida por sorteio, que contou com a participação do prefeito de Comodoro, Jeferson Ferreira Gomes.

Sílvio foi o primeiro a dirigir a palavra aos prefeitos presentes, relembrando o início da sua trajetória política como vereador em Araguainha, no ano de 2009. Ele agradeceu o apoio de sua família e dos colegas para concorrer à presidência da entidade. “Nós acreditamos que trabalhando juntos e em parceria, conseguiremos realizar um bom trabalho em defesa dos municípios”, afirmou. O gestor municipal ainda revelou o desejo de que os prefeitos permaneçam em unidade após a eleição, independente do resultado.

Fraga iniciou a sua fala ressaltando a importância da AMM na defesa dos interesses dos municípios e, consequentemente, da população mato-grossense. Ele agradeceu a presença dos prefeitos que vieram de diversas regiões para participar do processo, à comissão eleitoral pela condução do processo, à imprensa presente e aos colaboradores da entidade. Neurilan também fez um apelo pela continuidade da união dos prefeitos. “O mais importante é o que vai acontecer daqui pra frente. O compromisso de ser fiel à entidade, preservá-la e fazer com que ela cresça. E só há uma forma de fazer isso, que é com união”, declarou.

Ao final dos pronunciamentos, a comissão eleitoral deu início à votação. A apuração deve iniciar após as 12h, com a divulgação do resultado posteriormente.

Fonte: Agência de Notícias da AMM

Programa Criança Feliz ganha destaque entre as seis melhores práticas no Brasil

A iniciativa de Mato Grosso obteve destaque entre as 2 mil inscritas no país por focar em uma metodologia que tem como ferramenta principal as visitas domiciliares.

O Programa Criança Feliz (PCF) do Estado de Mato Grosso é uma das seis melhores práticas do Brasil, destacando-se entre mais de 2 mil municípios que participaram do Encontro Nacional do Programa Criança Feliz, realizado entre os dias 04, 05 e 06 de dezembro, em Brasília.

Na atual gestão, a Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social (Setas-MT) remodelou a equipe estadual do Programa do Criança Feliz que ganhou novo espaço com novos equipamentos permitindo que desenvolvesse um trabalho de qualidade fornecendo o devido suporte e apoio técnico aos municípios.

A secretária da Setas, Mônica Camolezi, informou que a remodelação foi uma estratégia usada quando assumiu a gestão, pois o programa estava sem nenhuma visibilidade no cenário nacional e não estava cumprindo as metas.

“A partir do momento que transformamos o programa em prioridade de Governo, houve grandes avanços com uma equipe comprometida, que fez a diferença e está apresentando o resultado nesse seminário. Estar entre as seis melhores práticas no país é um resultado excelente”, comemorou.

O município de Nortelândia ganhou destaque ao aplicar a metodologia de forma integral, o mais fiel possível às orientações norteadas pelo Ministério do Desenvolvimento Social (MDS). A supervisora municipal do PCF, Aline Galvão Itacaramby, destacou que a equipe teve grande suporte da gestão municipal e da estadual.

“Somos um município de pequeno porte um, com estimativa de população de 6.046 habitantes, tendo uma média de 1.500 famílias no cadastro único, 412 delas são beneficiárias do programa bolsa família, atualmente executando o programa criança feliz com três visitadoras exclusivas na função”, afirmou.

A equipe formada pelas visitadoras Kelen Varella, Rillary de Cássia e Kerolaine Domingues possibilitou que o PCF estivesse como prioridade nas ações. Graças a todo o apoio, trabalho continuado e consistente da equipe de trabalho foi possível alcançar os resultados satisfatórios.

A secretária municipal de Assistência Social, Márcia Deungaro Fernandes, afirmou que o uso das ferramentas de implantação do Programa e das visitas domiciliares fizeram a diferença. “Acreditamos que apesar de todas as adversidades o município aderiu o Programa, primeiramente, por acreditar na importância deste trabalho usando uma metodologia específica que visa o cuidado e o desenvolvimento da criança, metodologia esta adotada que tem como ferramenta principal as visitas domiciliares”.

Programa Criança Feliz

O Programa tem por objetivo promover o desenvolvimento integral das crianças na primeira infância, considerando sua família e seu contexto de vida. A forma utilizada pelo MDS de escolha do município foi através de dados quantitativos extraídos do prontuário eletrônico.

Fonte: Cleide Dantas | Setas

“Tangará é conceito B de boa gestão", aponta TCE

Município foi destaque na Educação

O Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso através da Secretaria de Controle Externo julgou favorável nesta terça- feira, 4, as contas anuais do prefeito Fábio Martins Junqueira, referentes ao ano de 2017, conforme processo nº 75450/2017.

Sob responsabilidade do Conselheiro Interino Isaías Lopes da Cunha o gestor teve as contas aprovadas por unanimidade com recomendações.

Durante a leitura do parecer, o conselheiro destacou que durante a análise, foram verificadas quatro irregularidades. Sendo assim, o gestor foi notificado e se manifestou em sua defesa de forma tempestiva.

Embora Junqueira tenha apresentado suas alegações finais sobre o parecer, das quatro irregularidades, restaram duas, sendo estas, o motivo das ressalvas destacadas ao final da aprovação. “Mantenho as irregularidades quanto ausência de transparência nas contas públicas, descumprimento de prazo de envio de prestação de contas ao tribunal (...)”, destacou o relator em sua decisão.

Ainda conforme o conselheiro, as duas irregularidades segundo a normativa do tribunal, são consideradas de natureza grave.

Contudo, o responsável pelo processo apontou positividades da gestão. “Destaco que o município respeitou os limites constitucionais relacionados aos investimentos na área da Saúde, Educação e Fundeb, repasse ao legislativo, bem como, quanto a despesa com pessoal, um texto determinante para a emissão prévia do parecer favorável da aprovação das contas”, frisou Lopes.

Ainda conforme o parecer, na Educação o Município teve desempenho ótimo, pois a avaliação dos scores totalizou 9,5. Já em relação a saúde, o Município alcançou uma pequena melhora de 5 para 6, e, diante disso, foi ressaltada a necessidade do gestor praticar atos eficazes para reverter os pontos negativos detectados. “O índice de gestão fiscal do município totalizou 0.63 alcançando conceito B de boa gestão, quanto ao ranking MT, Tangará ficou na 37ª posição”, finalizou Cunha em seu parecer.

Fonte: Rosi Oliveira - Redação DS

Atec finaliza ano letivo com programação especial

Programação é destinada aos alunos e profissionais

Após um ano intenso de muitas atividades, trabalho e principalmente aprendizagem, a Associação Tangaraense de Ensino e Cultura (Atec) está encerrando o ano letivo de 2018. Para fechar os trabalhos com chave de ouro, a instituição está desenvolvendo uma programação especial destinada aos alunos e profissionais da Educação.

De acordo com o diretor da Atec, Robson Teodoro da Costa, as ações tem como objetivo mostrar a gratidão de todos os envolvidos no ano letivo, que transcorreu de forma muito positiva. “Estamos encerrando o ano com muita alegria. Na última quarta-feira fizemos o encerramento anual com celebração, onde pudemos agradecer e dizer ‘muito obrigado a Deus por tudo o que fez’, pois Ele foi generoso conosco. Gosto sempre de poder celebrar, de poder agradecer”, relatou o diretor da instituição, ao destacar que foi realizado um momento de reconhecimento aos alunos que foram destaques durante o ano letivo.

“O reconhecimento foi feito na escola, mas não foi uma aprovação medida pela instituição diante de notas internas. Os alunos fazem o simulado do Poliedro, que nos dá um posicionamento da prova e reconhece os 10% melhores de toda a rede Poliedro. Os alunos que receberam o reconhecimento se destacaram entre todos de toda a rede Poliedro”, relatou Robson.

Ainda dentro das atividades realizadas em comemoração ao ano letivo, a Atec realizará neste sábado, 07 de dezembro, a formatura dos alunos de cinco a seis anos que estão rumo ao 1º ano do ensino fundamental. “Tivemos também a conclusão do terceiro ano do ensino médio, onde pudemos entregar certificados e também agradecer a esses alunos por estarem conosco, e ouvir deles também o que a gente representou para eles”, lembrou o diretor. O ano letivo de 2019 iniciará no dia 04 de fevereiro. As matrículas da Atec seguem abertas, e podem ser realizadas na sede da instituição.

Fonte: Rodrigo Soares - Redação DS

Postos Eleitorais atenderão a partir da próxima segunda

Prazo para o recadastramento vencerá no dia 29 de março

A população de Tangará da Serra que precisa realizar o recadastramento biométrico terá a partir da próxima segunda-feira, dia 10 de novembro, dois novos postos eleitorais para facilitar o procedimento. Além do Cartório Eleitoral, o Município terá o Centro Cultural e Câmara Municipal como pontos para o recadastramento.

De acordo com a juíza eleitoral, Leilamar Aparecida Rodrigues, todo eleitor que ainda não fez o recadastramento deve obrigatoriamente realizar o procedimento. “É importante fazer a biometria, pois é importante para a segurança do eleito, (…) é um documento essencial para o cidadão, um documento de cidadania”, conclamou a magistrada, ao destacar que o prazo para o recadastramento vencerá no dia 29 de março.

“Quem não fizer o recadastramento, terá o título cancelado, pois isso a gente reforça o convite e chama toda a população que ainda não fez, que compareça”, relatou.

Para realizar o recadastramento biométrico, basta o eleitor se dirigir até um dos pontos eleitorais munido de documentos pessoais (CPF e RG) e comprovante de endereço atualizado. “O eleitor que mudou para Tangará da Serra e ainda não fez a transferência, é importante que aproveite essa oportunidade”, finalizou a magistrada.

Fonte: Rodrigo Soares - Redação DS