Janela partidária muda configuração das bancadas da ALMT

Com as mudanças, os 24 parlamentares em exercício agora se dividem em 11 partidos

O período em que são permitidas trocas partidárias sem que parlamentares corram risco de perder o mandato foi encerrado no último dia 7. Com isso, houve mudança na organização das bancadas dos partidos que compõem a Assembleia Legislativa de Mato Grosso.

Além disso, os deputados titulares Wilson Santos (PSDB) e Max Russi (PSB), que estavam licenciados retornaram ao Parlamento. Por isso, o deputado suplente Professor Adriano, que deixou o Partido Socialista Brasileiro (PSB) e foi para o Democratas (DEM) não está mais em exercício.

Já o deputado suplente Jajah Neves (SD) deixou o Parlamento por um período, mas retornou às atividades após licença do deputado Dr. Leonardo (SD). Ambos são novos no Solidariedade, o primeiro veio do Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) e o segundo do Partido Social Democrático (PSD). 

Com essas mudanças, os 24 parlamentares em exercício da ALMT agora se dividem em 11 partidos, um a mais que antes da janela partidária. O Patriota (Patri), que não tinha representante, agora conta com o deputado Adalto de Freitas, que veio do Solidariedade. A maior bancada continua com o Partido Social Democrático (PSD), composta de cinco deputados, mesmo após ter pedido o deputado Dr. Leonardo. Além de estar licenciado, o parlamentar trocou o PSD pelo Solidariedade.

Logo atrás do PSD vem o Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB), que manteve quatro assentos na Casa com o retorno do deputado Wilson Santos. Após a janela partidária, o DEM ganhou os deputados Mauro Savi e o presidente da ALMT, Eduardo Botelho, e ficou com três parlamentares, mesmo número do Movimento Democrático Brasileiro (MDB).

O Partido Democrático Trabalhista (PDT) e o Partido Verde (PV) passaram a ter dois assentos cada um, com o ingresso do deputado Allan Kardec, vindo do Partido dos Trabalhadores (PT), no primeiro e do deputado Oscar Bezerra, que deixou o Partido Socialista Brasileiro (PSB), no segundo. Cinco bancadas contam com um deputado: além do Patriota, também estão na lista o Partido Social Cristão (PSC), PSB, SD e PT.

Confira abaixo a lista dos deputados em exercício e suas legendas:

Adalto de Freitas - Patri
Baiano Filho - PSDB
Dilmar Dal Bosco - DEM
Eduardo Botelho - DEM
Gilmar Fabris - PSD
Guilherme Maluf - PSDB
Jajah Neves (suplente Dr. Leonardo) - SD
Janaina Riva - MDB
Mauro Savi - DEM
Max Russi - PSB
Nininho - PSD
Oscar Bezerra - PV
Pedro Satélite - PSD
Prof. Allan Kardec - PDT
Romoaldo Junior - MDB
Saturnino Masson - PSDB
Sebastião Rezende - PSC
Silvano Amaral - MDB
Valdir Barranco - PT
Wagner Ramos - PSD
Wancley Carvalho - PV
Wilson Santos - PSDB
Zé Domingos Fraga - PSD
Zeca Viana - PDT

Fonte: Ingridy Peixoto
Secretaria de Comunicação Social AL/MT

Governo faz pagamento de R$ 150 mil para atender três escolas estaduais de Tangará

As Escolas Estaduais Emanuel Pinheiro, Patriarca da Independência e Ramon Sanches de Tangará da Serra receberem nesta quinta-feira (12), R$ 50 mil reais (cinquenta mil reais) cada uma, por meio de emendas do deputado Saturnino Masson (PSDB), para aquisição de serviços. O pagamento foi realizado pelo governador Pedro Taques. 

De acordo com a diretora da Escola Estadual Patriarca da Independência Silvana Rodrigues Verciano, a escola conta com 400 alunos do 1º ano até o ensino médio. Para ela, o recurso da emenda chega na hora certa, já que será preciso fazer uma cobertura de tela na quadra poliesportiva. “Precisamos contratar uma empresa que faça a cobertura, com telas da quadra, por causa da quantidade de pombos que se abrigam no teto. Tendo em vista que essa quadra poliesportiva atende além dos alunos, toda a comunidade”, declarou Silvana. 

Rose Maria Abrahão é diretora da Escola Ramon Sanches, que atende cerca de 700 alunos, com os R$ 50 mil, ela vai fazer uma pintura geral na escola. “Vamos pintar a escola, nas áreas externas e internas. Queremos agradecer o deputado Saturnino que sempre se preocupa com a educação do município e quando precisamos dele, nos atende”, disse Rose. 

Para a diretora da escola Emanuel Pinheiro Vilma Bento Mariano os recursos recebidos serão investidos na reforma do banheiro masculino e feminino. “A escola está precisando de várias coisas, mas a reforma dos banheiros é nossa prioridade, depois precisamos também da manutenção das câmeras e colocação de vidros”, acrescentou Vilma. 

“Procuro atender as demandas que chegam até o meu gabinete, me preocupo com as instalações físicas das escolas de Tangará da Serra. Quero que os estudantes e professores tenham condições dignas para um ensino e aprendizado de qualidade”, declarou Saturnino. 

Rosangela Milles/Assessoria de Gabinete