Real Tangará se prepara para competições

Os jogadores do Real Tangará Futebol Clube participarão nos próximos dias de importantes competições, entre elas a 13º Copa André Maggi, que acontecerá em Sapezal, entre os dias 19 a 22 de abril.

Segundo o treinador Sasá, o time participará da competição com uma equipe, na Categoria Sub15 (Ano base 2003), com 18 atletas de Tangará e reforço de Nova Olímpia, Juara e Campo Novo. “Esta é a segunda edição consecutiva em que participaremos da Copa André Maggi. No ano passado participamos com jogadores na categoria 2002 e conquistamos o primeiro lugar”, relembra o responsável, ao complementar que esta será a quarta participação na competição e a segunda, consecutiva. 

Focados, os jogadores do Real Tangará estão treinando bastante, pois o objetivo é alcançar o bicampeonato. “Estamos em treinamento intensivo, voltado para a competição”, afirma, ao destacar ser esta uma competição tradicional na região e Estado, esperada pelos atletas.

Ao todo serão 12 equipes na disputa do Futebol de Campo do Estado de Mato Grosso e uma de Rondônia, sendo: Real Tangará, TTC e Operário, de Tangará da Serra; Sapezal A e B; Diamantino; Campo Novo; Brasnorte; Conquista D’Oeste; Figueirópolis; Comodoro e Grêmio, de Vilhena-RO. Além do Futebol, a competição é disputada também no Futsal, Basquete, Vôlei e Handebol, e nos individuais com tênis de mesa e natação, todos nos naipes masculino e feminino.

COPA FURACÃO – O Real Tangará se prepara também para participar da 1º Copa Furacão de Futebol de Base, que acontecerá em Rolim de Moura-RO, entre os dias 27 de abril a 1º de maio. 
Eles competirão com quatro equipes nas categorias Sub 10 (ano base 2008/2009), Sub 12 (ano base 2006/2007), Sub 14 (ano 2004/2005) e Sub 16 (ano base 2002/2003). 
Ao todo participarão 64 equipes, nas quatro categorias.

FABÍOLA TORMES / Redação DS

Sindicato Rural realiza mais uma edição “Filhos no Campo”

Apresentar às crianças a importância do trabalho do homem no campo e as etapas do processo produtivo, para que desperte nelas o interesse em serem gestoras e profissionais do meio rural. Estes são os principais objetivos do programa Filhos no Campo, desenvolvido pelo Sindicato Rural em Tangará da Serra, em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar-MT).

Em 2018, o projeto acontece entre os dias 2 e 27 de abril. Neste período cerca de 20 turmas, de cinco escolas do município, irão fazer visitas à propriedade que é parceira no programa: o Rancho Bom Sossego, localizado no Distrito de Progresso. As escolas que se inscreveram para participar são: CME Fausto Masson, EE Patriarca da Independência, CME Dom Bosco, EE Emanuel Pinheiro, EE Jonas Lopes da Silva e EE Antônio Hortollani.

Rosiane Vitória Alves, de 11 anos, estava encantada com tantas novidades. “É a primeira vez que visito um lugar assim, no campo. Eu não sabia de onde vinham algumas coisas que eu consumia em casa como o leite, o peixe, carne e outras coisas também. Foi muito legal poder dar ração aos peixes e aprender a tirar o leite da vaca”, contou.

Uma das responsáveis em passar, na teoria, tantas novidades para as 26 crianças que estavam presentes nesta quarta-feira, 11, no rancho, a instrutora do Senar, Neriely da Silva Gonçalves, disse que é muito importante que elas aprendam, desde cedo, sobre o trabalho do produtor rural. “Hoje eu ensinei sobre algumas das principais cadeias produtivas que são desenvolvidas em Mato Grosso como a avicultura, a suinocultura, a piscicultura, o gado de leite e de corte”.

O programa- O “Filhos no Campo” foi criado pelo Senar-MT pensando também na importância que é as crianças poderem levar para seus lares uma opinião formada sobre a realidade do setor que mais ajuda o estado a se desenvolver.

Assessoria SRTS

CARAVANA DA TRANSFORMAÇÃO - Carretas de saúde já estão sendo instaladas na Arena Pantanal

As unidades móveis de saúde que irão atender a população durante a 13ª edição da Caravana da Transformação, em Cuiabá, chegaram à capital mato-grossense na manhã desta quarta-feira (11.04). As carretas equipados para procedimentos cirúrgicos oftalmológicos percorreram várias ruas de Cuiabá e Várzea Grande e já estão sendo instaladas no local do evento.

Durante a Caravana, serão utilizadas seis unidades móveis alocadas no Portão G da Arena Pantanal. Cada uma possui a capacidade para atender simultaneamente quatro pacientes, dentro dos padrões da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

A equipe oftalmológica será composta por vinte médicos, oito para atendimentos de diagnóstico, oito cirurgiões, dois anestesistas e dois retinólogos. A expectativa da organização é que durante a Caravana sejam realizadas 20 mil consultas oftalmológicas e 15 mil cirurgias de catarata, yag laser e pterígio.

A Caravana da Transformação ocorre entre os dias 16 de Abril e 10 de Maio. As consultas e exames serão realizados entre os dias 19 e 30 de abril, a partir das 5h. Caso seja constatada a necessidade de cirurgia, o agendamento é feito logo após a consulta. As cirurgias serão realizadas entre os dias 10 de abril e 10 de maio.

Os pacientes submetidos à cirurgia de catarata recebem ainda o acompanhamento pós-operatório sem nenhum custo, com realização de consultas, exames e avaliações 24h, sete dias e 30 dias depois do procedimento cirúrgico.

Regulação

Para ser atendido na Caravana da Transformação é necessário fazer a regulação. Para o procedimento, o paciente deve ter a partir de 55 anos e apresentar documento de identificação com foto, comprovante de endereço atual e cartão SUS.

Quem mora em Cuiabá pode fazer a regulação na Arena Pantanal: Portão G Regional Norte: Clínica da Família (CPA I), Policlínica do bairro Planalto e Centro de Convivência de Idosos (CCI) Aidee Pereira do Nascimento (bairro Novo Horizonte) Regional Sul: Centro de Saúde do Tijucal e Policlínica do bairro Pedra 90 Regional Oeste: Centro de Saúde do bairro Quilombo e Policlínica do Verdão Regional Leste: Centro de Saúde do bairro Dom Aquino, Shopping 3 Américas e Shopping Popular Central de Regulação do SUS, localizada na Avenida Dom Bosco (Centro) Unidade de Saúde da Família (USF) da Guia.

Já em Várzea Grande população pode procurar acesso Centro de Especialidades em Saúde (Postão) Policlínica do bairro Cristo Rei Policlínica do bairro Parque do Lago Policlínica do bairro Jardim Glória II Policlínica do bairro Marajoara e Policlínica do bairro 24 de Dezembro.

Nesta edição serão atendidos os moradores Cuiabá, Várzea Grande, Acorizal, Barão de Melgaço, Chapada dos Guimarães, Jangada, Nova Brasilândia, Nossa Senhora do Livramento, Planalto da Serra, Poconé, Santo Antônio do Leverger, Rosário Oeste, Nobres. Em todos os outros municípios, o cadastro deve ser feito na Secretaria Municipal de Saúde.

Fonte: Mel Mendes | GCom-MT