Woop Sicredi: instituição financeira cooperativa lança sua conta digital

Solução traz inovação e amplia o acesso ao cooperativismo de crédito 

O Sicredi – presente em 22 estados brasileiros e no Distrito Federal – lança sua conta digital. O Woop Sicredi foi desenvolvido para oferecer uma solução financeira cooperativa no ambiente digital para um público conectado e jovem de espírito, que procura resolver suas necessidades financeiras virtualmente, ao mesmo tempo em que colabora para o desenvolvimento da sua comunidade. A solução faz parte da transformação digital do Sicredi, que inclui a substituição progressiva dos sistemas que processam os produtos e serviços (core bancário). 

O nome Woop vem de uma interjeição formada por meio da combinação de “wow” e “coop”, criando uma expressão moderna que pretende ser o som do cooperativismo nos ambientes digitais. 

Um dos diferencias do Woop Sicredi é aliar inovação digital e cooperativismo, conectando pessoas e propósitos. O associado integra uma cooperativa de crédito do Sicredi, de acordo com a região onde mora, e pode participar - com direito a voto -, de assembleias nas quais acontecem as decisões estratégicas, e da distribuição dos resultados. Assim como os atuais associados do Sicredi, o usuário do Woop Sicredi tem, ao mesmo tempo, o papel de associado e de dono do negócio. 

Por meio da solução, o usuário do Woop Sicredi (ou Wooper) poderá acessar informações sobre o desempenho da cooperativa em quesitos como poupança, crédito, número de associados, capital social e resultados estarão disponíveis online. No aplicativo, o Wooper também pode saber mais sobre os conceitos do cooperativismo de crédito, assim como da governança da cooperativa, acessando informações sobre como ela funciona, além de outras informações. 

Inicialmente, no Woop Sicredi é possível associar-se e criar uma conta 100% digital, sem papel; ter acesso à conta corrente com pagamentos de contas de consumo e transferências; poupança; limites e créditos; cartão 100% digital; autenticação digital; programa de fidelidade e organizador financeiro. Baseado no desenvolvimento por meio de metodologia ágil, o Woop Sicredi vai gradualmente integrar novas funcionalidades. Para associar-se ao Woop Sicredi, assim como acontece na associação presencial às cooperativas que formam o Sicredi, é necessário integralizar um valor no capital social da cooperativa. 

Outra facilidade do Woop Sicredi é o seu programa de fidelidade, com o qual o Wooper acumula valores (Mooedas) a partir do uso do cartão de crédito e pode usar esses valores diretamente em pagamentos como, por exemplo, o da cesta de relacionamento e outros relacionados à conta corrente. O aplicativo também disponibiliza um organizador financeiro, ferramenta que auxilia na organização e gestão da vida financeira do associado. 

O Woop Sicredi é baseado no conceito de autosserviço e conta com diversos canais de atendimento digital como chat; videochamada; e-mail; redes sociais; FAQ, entre outros. Para baixar o Woop Sicredi, é só acessar as lojas de aplicativos dos sistemas Android e iOS ou o endereço www.woopsicredi.com

Sobre o Sicredi 

O Sicredi é uma instituição financeira cooperativa comprometida com o crescimento dos seus associados e com o desenvolvimento das regiões onde atua. O modelo de gestão valoriza a participação dos 3,7 milhões de associados, os quais exercem um papel de dono do negócio. Com presença nacional, o Sicredi está em 22 estados* e no Distrito Federal, com 1.500 agências, e oferece mais de 300 produtos e serviços financeiros. Mais informações estão disponíveis em www.sicredi.com.br

*Acre, Alagoas, Bahia, Ceará, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Rondônia, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe e Tocantins.

Fonte: Keila Volkmer de Oliveira
Assessora de Comunicação e Marketing

Prefeitura de Tangará da Serra divulga seletivo para várias áreas

A Prefeitura de Tangará da Serra lançou edital de normas para realização de um novo processo seletivo de provas que pretende preencher 8 vagas e formar reserva técnica em funções de níveis superior, médio e fundamental para lotação nas Secretarias de Educação e Cultura, Saúde, Meio Ambiente, Esportes, Infraestrutura e no Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto.

As vagas são para Professor de Educação Infantil/EJA, Professor da Sala Multifuncional/Educação Especial, Professor de Braille e Libras, Professor de Matemática, Professor de Geografia, Intérprete de Libras, Mecânico, Motorista, Instrutor de Oficina de Teclado, Violão e Coral, Instrutor de Oficina de Teatro, Instrutor de Oficina de Dança, Instrutor de Dança Clássica, Instrutor de Oficina de Artes Plásticas, Desenho e Pintura, Instrutor de Artesanato, Engenheiro Sanitarista, Professor de Futebol, Professor de Futsal, Professor de Basquetebol, Professor de Voleibol, Professor de Handebol, Instrutor de Capoeira, Instrutor de Karatê, Instrutor de Judô, Instrutor de Jiu-jitsu, Cirurgião Dentista, Odontólogo, Auxiliar Cirurgião Dentista, Médico Clínico Geral, Enfermeiro, Técnico de Enfermagem, Técnico de Raio-X, Gesseiro, Cozinheira, Ajudante de Serviços Gerais, Psicólogo, Médico Ultrassonagrafista, Médico Ortopedista, Farmacêutico, Operador de Máquina, Leiturista, Técnico de Informático, Operador de ETA, Agente Administrativo, Instalador de Rede, Operador de Elevações de Água e Operador de Elevações de Esgoto.

A prefeitura oferece salários entre R$ 848,16 e R$ 6.553,28, por regime de trabalho de 20 a 40 horas por semana.

Inscrição

As inscrições serão efetuadas exclusivamente pela internet, no site www.tangaradaserra.mt.gov.br, durante o período das 09h do dia 05 de julho até as 16h do dia 13 de julho de 2018, A taxa de participação será de R$ 20,00 para cargos de nível fundamental, R$ 40,00 para nível médio e R$ 60,00 para ensino superior.

Avaliações

A seleção compreenderá prova objetiva de caráter classificatório e eliminatório para todos, além de prova prática para Motorista e Operador de Máquina. A prova objetiva será realizada das 8h às 11h do dia 22 de julho de 2018. Os locais serão divulgados no site www.tangaradaserra.mt.gov.br a partir do dia 20 de julho.

O gabarito da prova objetiva será divulgado a partir do dia 24 de julho, pelo site da Prefeitura. O seletivo terá validade de um ano, podendo ser prorrogado por igual período.


Fonte: Tangará em Foco

União atualiza licitações com base em Projeto de Silva

O Governo Federal publicou o Decreto 9.412/2018 no Diário Oficial da União (DOU) nesta terça-feira, atualizando os valores da Lei de Licitações. A medida atendeu uma reivindicação do movimento municipalista, que há muito tempo busca a atualização dos valores que estão congelados há 20 anos, fato que aumentava a burocracia nos certames licitatórios para compras públicas.

Enquanto assumiu a suplência de Deputado Federal em Brasília no ano passado, o vereador Rogério Silva foi o autor de Projeto de Lei que apresentava as atualizações, propositura esta, que serviu como base para que o Governo Federal fizesse as mudanças na Lei de Licitações através de Decreto. “Em Brasília, fiz a propositura do projeto. Mas, para ele ser aprovado, ainda demandaria certo tempo, pois ia passar pelas comissões para só então ir ao plenário. O presidente Michel Temer captou a ideia do projeto, e diante da urgência e relevância do assunto, publicou o decreto que é um meio muito mais rápido”, explicou o parlamentar, que também foi autor de um Projeto de Lei municipal já aprovado pela Câmara que atualizou os valores no Município. “Essa Lei Municipal atualizou somente para recursos de receita própria. Só com ela, não poderia utilizar a atualização para recursos oriundos do Estado e da União. Agora com o decreto, já é possível”, disse Rogério Silva.

Aguardado por muitos, o Decreto da União atualiza os valores das modalidades de licitação em 120% (cento e vinte por cento) em relação aos patamares atualmente praticados.

Quando se tratar de contratação para obras e serviços de engenharia, os valores que poderão ser pagos aos fornecedores serão de até R$ 330 mil na modalidade convite; até R$ 3,3 milhões na tomada de preços; e acima de R$ 3,3 milhões na concorrência.

Se a contratação for para compras e serviços, os limites são R$ 176 mil no formato convite; R$ 1,430 milhão na tomada de preços; e acima de R$ 1,430 milhão na concorrência.

Rodrigo Soares - Redação DS

Deputado Saturnino cobra pagamento de emendas

O deputado Saturnino Masson (PSDB) se reuniu com o governador Pedro Taques, prefeitos e demais autoridades para cobrar a liberação de emendas parlamentares. De acordo com Saturnino as reivindicações são diversas. 

Os gestores buscam a viabilização de R$ 17 milhões em emendas parlamentares antes do dia 7 de julho, quando tem início a proibição de celebração de convênios entre o Executivo estadual e prefeituras, de acordo com a legislação eleitoral. 

Taques pediu que os prefeitos pontuassem as prioridades de suas administrações, uma vez que os recursos serão disponibilizados conforme o fluxo de caixa do Estado. As principais demandas são referentes a convênios firmados com as Secretarias de Saúde, Cultura, Educação, Infraestrutura e Cidades. 

“Sabemos que as emendas representam muito para os municípios e vamos buscar quitar ao máximo possível, conforme uma programação financeira estabelecida pela equipe econômica. Devido ao período de vedação eleitoral, precisamos que os gestores elenquem as prioridades de cada município e marcamos essa reunião para que eles nos trouxessem essa relação”, explicou o governador. 

Os problemas são nas áreas de saúde, infraestrutura, educação e outros. Queremos agilidade para o pagamento de nossas emendas, porque já está prejudicando diretamente o desenvolvimento de alguns municípios”, afirmou Saturnino.

Rosangela Milles/Assessoria de Gabinete-Secom/MT

TCE aprova contas de Governo de 2017

O Tribunal de Contas do Estado aprovou, por unanimidade, as contas do Governo de Mato Grosso referentes ao ano de 2017. O relator do processo, conselheiro João Batista Camargo, afirmou em seu voto que o Executivo cumpriu de forma macro as obrigações determinadas pela legislação e foi seguido pelo pleno.

O relator fez ressalvas quanto às contas, destacando a necessidade de que o Estado tome precauções para não ultrapassar o limite da Lei de Responsabilidade Fiscal, atentando aos gastos com pagamento de pessoal. “O Estado de Mato Grosso teve o maior crescimento real com despesas de pessoal. É urgente a adoção de medidas para evitar o extrapolamento dos limites com pagamentos de salários", alertou o conselheiro.

As despesas com pessoal de todos os Poderes constituídos e órgãos subiram de R$ 9,3 bilhões, em 2016, para R$ 10,5 bilhões, em 2017. No Executivo, isso ocorreu em razão do pagamento do RGA previsto em lei e o reajuste para algumas carreiras, também previstos em leis aprovadas em 2014. Ou seja, R$ 1,4 bilhão a mais no orçamento para pagamento de salários.

“Nesse quesito, temos, como servidores, de pensar na coletividade. O momento do Estado é delicado e precisamos cumprir a LRF. Meu apelo aos servidores de todos os órgãos é de que entendam essa questão, também em relação à Previdência”, pediu João Batista.

O conselheiro apontou que os gastos com a previdência dos servidores alcançou o valor de R$ 2,9 bilhões, em 2017, e que o déficit chega a R$ 42 bilhões. “As contribuições dos servidores ativos não são suficientes para cobrir essas despesas e o Tesouro precisa complementar para fechar o quadro. São necessárias medidas drásticas para que o Estado não entre em colapso e os chefes de poderes também precisam ficar alertas para a gravidade da situação”, considerou.

A respeito do duodécimo dos poderes, que possui repasses em atraso referentes ao ano de 2016, João Batista destacou que os órgãos tiveram incremento nos orçamentos de 40% nos últimos anos, enquanto a receita estadual teve decréscimo de 10,8%, o que justificaria não existir caixa para a quitação dos débitos.

O secretário de Fazenda, Rogério Gallo, explicou que os valores devidos, no valor de R$ 320 milhões, foram pactuados no Regime de Recuperação Fiscal, sancionado no fim de 2017. "Tivemos dois cenários de crise nos últimos anos, relacionados ao desequilíbrio fiscal do Estado. Fizemos o dever de casa, mas ainda há muito o que ser feito e contamos com o Tribunal de Contas para nos orientar nas resoluções a serem tomadas", disse Gallo.

O julgamento das contas do Governo também foi acompanhado pelos secretários da Casa Civil, Ciro Rodolpho Gonçalves, e de Planejamento, Guilherme Muller.

Fonte: Carol Sanford - Gcom MT

Deputado Saturnino faz entrega de Título de cidadão Mato-grossense

Foram 35 personalidades homenageadas que não nasceram em Mato Grosso, mas adotaram o Estado como sua terra natal. 

O deputado Saturnino Masson (PSDB) entregou na última sexta-feira (15), no Plenário das Deliberações deputado Renê Barbour, 35 Títulos de Cidadão Mato-grossense pelo reconhecimento aos que contribuíram e ainda contribuem para o desenvolvimento e o crescimento socioeconômico de Mato Grosso. 

O título de cidadão é concedido pela Assembleia Legislativa de Mato Grosso a quem não nasceu no Estado ou aos que mesmo de longe, trabalham pelo Estado. Desde que essa contribuição tenha sido feita sem visar lucros, interesses pessoais ou profissionais. 

O homenageado Jorge Zortea, mais conhecido como “Zico”, reside em Mato Grosso há 32 anos. Empresário no ramo de comunicação em Lucas do Rio Verde e também Diretor da UNIPAS - União Internacional de Pastores e Capelães Voluntários disse que essa homenagem vai muito além de um certificado. 

“Foi uma honra receber essa homenagem que o deputado Saturnino nos concedeu, foi muito significativo, mas vai além de um simples papel. O que recebemos foi uma nova certidão de nascimento. Agora somos matogrossenses. Sei que até hoje fiz muito pouco diante do que já recebi desse Estado tão pujante”, afirmou Zortea. 

“A instituição pública tem a obrigação de reconhecer o papel de destaque que cidadãos e cidadãs desempenham na sociedade. Pois, em muitos casos, vocês cumprem o papel do Estado. Sinto-me honrado em poder entregar esses Títulos a essas pessoas tão respeitáveis", declarou o parlamentar. 

De acordo com Saturnino as pessoas para as quais ele concedeu os títulos são representantes dos mais diversos segmentos e municípios do estado. “São pessoas que não nasceram em Mato Grosso, mas adotaram nosso Estado como sua terra natal. Então, a entrega de título é uma forma de dizer obrigado”, disse o deputado. 

ROSANGELA MILLES/Assessoria de Gabinete

Tangará da Serra recebe pacote de investimentos

Com uma população de quase 100 mil habitantes e o 10º maior Produto Interno Bruto (PIB) de Mato Grosso, Tangará da Serra é um dos Municípios beneficiados com o pacote de obras e serviços do Governo do Estado. A área de infraestrutura soma mais de R$ 107,4 milhões em investimentos entre 2015 e o início deste ano.

Provenientes do Fethab Rural (Fundo Estadual de Transporte e Habitação), foram R$ 7,4 milhões para aplicação na manutenção de rodovias. Os outros R$ 100 milhões do Pró-Estradas contemplaram obras que estão sendo executadas em Tangará e nos municípios da região.

Dentre essas obras estão a reconstrução da MT-246 no trecho que dá acesso a Barra do Bugres, com recursos de R$ 30 milhões; a pavimentação da MT-343 que liga a cidade a Porto Estrela; a reconstrução de 13 quilômetros na MT-358, entre Tangará e o Distrito de Itanorte, em Campo Novo do Parecis.

Outras importantes iniciativas são a implantação da MT-339, conectando o município à região de Cáceres, na fronteira com a Bolívia; e o projeto da MT-240, no sentindo Santo Afonso. O governo deverá ainda retomar na Bolsa de Valores a concessão da MT-246, na região de Barra do Bugres e Tangará. Todas essas obras são aguardadas há muitos anos pela população.

Assessoria

1500 quilos de lixo são recolhidos no Sepotuba

Realizada já há 14 anos, ontem aconteceu mais uma edição do Projeto Preservação do Rio Sepotuba, desenvolvida pelo Rotary Tangará da Serra- Centro e segundo os organizadores, o que se viu foi um total descaso com o Meio Ambiente, o que rendeu de lixo coletado, dois caminhões, que se aproxima a 1.500 quilos de lixo deixados por frequentadores do rio.

De acordo com Alfredo Nuernberg, a coleta foi feita embalada pela revolta e tristeza. “Ficamos muito tristes, pois esse projeto já é desenvolvido há 14 anos e as pessoas parecem que esqueceram”, relatou indignado.

Durante a coleta do lixo foram encontrados objetos inimagináveis segundo Alfredo. “Encontramos geladeira, freezer, colchão, sacos plásticos, garrafas de vidro e pets, comprovando que o ser humano não cuida do que tem de graça. Ficamos muito chateados por ver tamanho descaso por parte de pessoas que usam o local porque é bonito, mas esquecem que se não cuidar vai acabar”, destacou.

Conforme Nuernberg, para que isso não continue a acontecer, o clube estuda um novo projeto nas escolas da cidade. “Precisamos rapidamente fazer as pessoas entenderem que o meio ambiente é importante, então vamos estudar um projeto para ser desenvolvido nas escolas, com as crianças que são o futuro. Só assim teremos um meio ambiente saudável e mais bonito e limpo”, comentou, salientando que além Rotary, a Sema deveria em parceria com a Polícia Ambiental, Ministério Público e Secretaria Municipal de Meio Ambiente intensificar ações que protejam o rio.

Nesse ano, o percurso foi ampliado e teve início na Estância Modelo e chegada na Estância Amazonas.

O Projeto Preservação do Rio Sepotuba tem a parceria da Secretaria de Meio Ambiente, Corpo de Bombeiros, Prefeitura, Polícia Ambiental, Câmara de Vereadores e Sema.

Fonte: Rosi Oliveira - Redação DS

ExpoFlor termina com expectativas superadas

Iniciada no dia 09, a 9ª edição da ExpoFlor chegou ontem, 17, ao seu final com todas as expectativas superadas. Embora o clima estivesse atípico no Município, os tangaraenses compareceram à quadra da escola onde a feira foi montada e mais uma vez deram um show em solidariedade, como informou a Secretária Administrativa, Zilda Orlando Paduam. As plantas, que vieram diretamente do Paraná, foram comercializadas a preços acessíveis, o que fez com que muitas pessoas saíssem com os braços cheios de cores, sabores e cheiros. Isso porque na exposição não foram comercializadas apenas flores, mas plantas frutíferas, pimentas, orquídeas, rosas do deserto, lírios e muitas outras plantas, inclusive plantas ornamentais. E todas tinham um atrativo, o preço módico.

“Nós estamos muito felizes com o resultado. As pessoas compareceram e apesar da situação financeira do país levaram as plantas, por menor que fosse o valor, nenhuma pessoa saiu daqui sem comprar uma planta”, comentou Zilda.

De acordo com a secretária, a quadra da escola esteve em todos os dias lotada, demonstrando a tradicionalidade da feira que é aguardada com ansiedade não só por tangaraenses, mas por moradores de toda a região. “Sem dúvida alguma de todas as edições essa foi a melhor em retorno financeiro, que em breve deverá ser divulgado pela administração da escola”, destacou Zilda, ao salientar que embora a mudança da data por causa da greve dos caminhoneiros tenha causado apreensão a organização, o fato não interferiu em nada na feira. “Ficamos um pouco apreensivos, mas vimos que isso não interferiu na resposta que tivemos”, pontuou.

“Queremos agradecer a todos que vieram e contribuíram. Nossa escola faz essas promoções para ajudar a custear as despesas, que apesar dos convênios, são muitas, portanto, queremos agradecer imensamente quem comprou uma planta, seja qual tenha sido o valor”, finalizou.

Fonte: Rosi Oliveira - Redação DS

TCE aprecia na segunda-feira (18/6) contas de 2017 do governador Pedro Taques

O Tribunal de Contas de Mato Grosso agendou para a próxima segunda-feira, 18/6, a partir de 15h, a sessão extraordinária para apreciar e emitir parecer prévio circunstanciado sobre as contas anuais, referentes ao exercício de 2017, do governador do Estado, Pedro Taques.

O parecer prévio circunstanciado a ser votado pelo Tribunal Pleno instrui julgamento final das contas anuais do governo estadual, de competência privativa da Assembleia Legislativa.

Nesse tipo de processo, a manifestação do Tribunal de Contas ocorre por parecer prévio favorável à aprovação ou por parecer prévio contrário à aprovação.

O relatório e o voto do processo das contas anuais de 2017 do governador Pedro Taques estão sob a responsabilidade do conselheiro interino João Batista de Camargo. A fase de instrução processual foi realizada por equipe de auditores da 4ª Secretaria de Controle Externo.

O procurador-geral do Ministério Público de Contas, Getúlio Velasco, assina o parecer ministerial presente no processo.

A sessão do TCE-MT é um ato público podendo ser acompanhada presencialmente no Plenário de Julgamento, na sede do Tribunal, localizado no Centro Político Administrativo. Também pode ser acompanhada em transmissão ao vivo pela página do TCE, endereço www.tce.mt.gov.br.

Assessoria de Comunicação - TCE-MT

POLÍTICA - PSD aumenta em 40% o número de filiados em Tangará da Serra

Durante ato mais de 130 pessoas se filiaram ao PSD na passagem da Comitiva do partido pelo município

O Partido Social Democrático (PSD) teve sua base ampliada em Tangará da Serra, somando mais de mil filiados no município. O crescimento de filiações foi em torno de 40% entre os anos de 2016 e 2018. Durante reunião do partido na última semana, com a presença do presidente regional da sigla, Carlos Fávaro, 130 novos correligionários se filiaram a legenda partidária, que é a segunda maior do estado. Também participaram o deputado Wagner Ramos (PSD), o presidente do PSD do município, Reck Júnior, os vereadores da região, e presidentes de outros partidos, além de lideranças da comitiva do PSD.

Segundo Fávaro, o partido trabalha para consolidar até as convenções, no mês de agosto, a candidatura majoritária. “Nosso partido tem crescido e se consolidado em todo o estado. Esse processo mostra a força do PSD e o desejo das pessoas estarem conosco na construção de Mato Grosso para os mato-grossenses. O PSD do nosso estado o não tem mais caciquismo, ninguém decide sozinho o rumo do partido. Temos trabalhado em unidade e dando liberdade aos membros. E acreditamos que esse é o caminho da nova política”, afirmou.

O presidente regional e outros dirigentes partidários continuam ouvindo as bases, principalmente, no interior do estado, para colher sugestões de medidas mais adequadas aos problemas de cada região. “O fortalecimento e crescimento da base tem trazido boas expectativas. Uma demonstração do quanto o partido é democrático e está aberto ao diálogo. Tivemos representantes de vários partidos na reunião em Tangará da Serra”, comenta o secretário do partido, Stephano do Carmo. 

A reunião política foi marcada pela filiação da ex-vereadora Rosangela Pizico, que tem bastante tempo de militância política e partidária e trouxe novos correligionários. Segundo ela, está muito otimista por ser a nova representante do PSD Mulher. “Trouxemos conosco 130 novos filiados, de profissões diversificadas e também muitos jovens, e temos certeza que mais pessoas virão se filiar ao PSD nos próximos dias. A nossa liderança é bastante representativa”. 

O partido tem feito visitas sequênciais aos municípios para ouvir a base, e com objetivo de atender a todas às regiões. A comitiva do PSD já visitou desde maio às regiões Sudoeste, do Araguaia e do Médio Norte, somando 24 cidades. Contando com as visitas feitas para apresentar o programa ‘Internet para Todos’, quando Fávaro ainda era vice-governador, já são 57 municípios visitados. A intenção, de acordo com o secretário, é percorrer o maior número de municípios até as eleições. Na próxima semana, será a vez da região do Vale de Juruena.

Participaram também da reunião o vice-prefeito Renato Goveia, representantes de outros partidos: vereador Carlinhos da Esmeralda (PSC), Luiz Henrique (DEM), Airto Franchini (PP), Raimundo da Cruz (PPS), Eduardo Pereira (PROS), Frank Massavi de Azevedo (PDT) e o Marquinhos da Vitani (PTB).

Atualmente, o partido tem cinco deputados estaduais, 25 prefeitos, 18 vices-prefeitos, 188 vereadores e quase cinco mil mulheres filiadas a legenda. Comprovando a força do partido social democrata, somente na região do Médio Norte o partido conta com cinco perfeitos - Areanápolis, Brasnorte, Nortelândia, Nova Olímpia e Campo Novo do Parecis.

Fonte: Dialum Assessoria de Imprensa

Diretor do IPES lança dois livros de temática infantil

O diretor do Instituto Presbiteriano de Educação Simonton (Ipes) lançou no início desse mês dois livros que abordam histórias direcionadas ao público infantil, e que já podem ser utilizados na metodologia de ensino das escolas tangaraenses. O lançamento aconteceu durante o 17º congresso da Associação Mato-grossense de Escolas Presbiterianas, que foi sediado em Tangará da Serra e que reuniu instituições de todo Estado.

De acordo com o autor Reverendo Marcos dos Anjos, o livro ‘A Menina Traquina’ aborda algumas peraltices que são praticadas na vida infantil, revelando os cuidados que os pais tem com as crianças diante de eventuais situações perigosas. “O livro demonstra também como a criança deve se comportar nas brincadeiras, sem que corram certos riscos nos momentos de diversão”, relatou o escritor, informando que o livro ‘A Árvore de Cabelos Brancos’, que também foi lançado na oportunidade, tem como moral o fato de pequenos cuidados básicos terem o poder de evitar situações catastróficas.

“A história desse livro é baseada em fatos reais. Aqui do lado da escola, tinha uma árvore muito grande e que foi derrubada pelo vento. Quando investigaram a situação, descobriram que ela caiu porque estava cheia de bichinhos comendo ela, mas mesmo assim continuava florescendo. A história mostra também os cuidados que as crianças devem ter nas horas de tempestade, além de ter a moral que cuidados pequenos podem evitar muitas coisas”, contou o escritor.

Veterano em ser autor, o Reverendo já havia lançado três outros livros que também abordam a temática infantil. “Tenho o livro Boi Babaçu que fala cobre os sonhos de crianças e sobre o empreendedorismo infantil, o livro A Face Vermelha que mostra como o pré adolescente pode se comportar diante de uma agressão, e também o Anzol de Anfinetes, que apesar do nome, fala da preservação dos peixinhos”, finalizou.

Fonte: Rodrigo Soares - Redação DS

Tangará comemora o Dia de Enfrentamento da Violência contra o Idoso

Foto: Humberto Ferreira
O evento foi realizado nas dependências do Teatro Municipal Pedro Alberto Tayano Filho

Como parte das comemorações do Dia Mundial de Enfrentamento da Violência contra a Pessoa Idosa, aconteceu na última sexta-feira 15, um Seminário promovido pela Prefeitura Municipal de Tangará da Serra, tendo a frente a Secretaria Municipal de Assistência Social. Estiveram presentes o Prefeito Fábio Martins Junqueira, a Primeira Dama e Coordenadora Voluntária da Sala da Mulher, Helena Simões Matias Junqueira, a Presidente do Conselho  Municipal da Pessoa Idosa, Ana Lúcia Adorno de Souza, Secretários Municipais, Representantes de diferentes segmentos  e do público em geral.

O Prefeito Fábio Martins Junqueira, o Secretário de Assistência Social Aguinaldo Garrido e a Presidente do Conselho Municipal da Pessoa Idosa Ana Lúcia Adorno de Souza, falaram aos presentes e foram unânimes em alertar a todos do Direito, do Respeito e da Proteção que temos que  dispensar as pessoas idosas

Em seguida a Enfermeira Juliana da UNEMAT proferiu uma Palestra ressaltando os cuidados que temos que ter com as pessoas idosas. As quedas, dicas e tratamentos. A Psicóloga do CREAS Bárbara também falou aos sobre a violência que é verificada diariamente com os idosos, que se define como qualquer ato, repetitivo, ou omissão, que ocorre em qualquer relação supostamente de confiança, que causa dano ou incomodo, prejudicando a integridade física e emocional. Todos os temas altamente relevantes quando tratamos com pessoas idosas, que no Brasil são consideradas com mais de 60 anos de idade. Foi entregue aos presentes um material de divulgação contendo uma Cartilha de Combate à violência contra o idoso e uma relação sobre os crimes e punições que são verificados no dia a dia.

Humberto Ferreira
Redação CTS

Niltinho quer regularização fundiária do Jardim Ipanema

Nilton Dalla Pria (MDB) solicitou do prefeito Fabio Martins Junqueira (MDB), a regularização fundiária do bairro Jardim Ipanema. O vereador pediu que a regularização seja feita com urgência, uma vez que os proprietários de imóveis reclamam da situação irregular.

“A regularização fundiária além de ser um direito social, trará mais segurança jurídica para os moradores do Jardim Ipanema que vêem a moradia regular como condição primeira para a realização integral de seus sonhos”, afirmou o vereador Niltinho ao afirmar que confia que o Poder Executivo Municipal não medirá esforços para o atendimento do anseio das famílias que possuem casas no Jardim Ipanema.

PLACAS - Niltinho pediu a Secretaria Municipal de Infraestrutura a instalação de placas indicando a localização de hospitais, delegacia, fórum, terminal rodoviário, demais órgãos públicos e pontos turísticos. O objetivo, segundo o vereador é orientar pessoas de outras cidades que visitam Tangará da Serra.

“Vemos muitas pessoas de fora da cidade, com dificuldade de se locomover dentro de Tangará da Serra por falta de placas de sinalização, orientação de destino e identificação de localidades. Vemos que muitas pessoas que buscam acesso às placas e não tem, e ficam, por muitas vezes, perdidas sem saber a direção ao certo a seguir”, justifica o parlamentar.

Marcos Figueiró
Assessoria de Imprensa

Fabio Brito sugere painéis solares para economizar energia em prédios públicos

Fabio Brito (PSDB) encaminhou sugestão ao Poder Executivo Municipal que viabilize estudos técnicos para instalação de painéis de energia solar nos órgãos públicos municipais. O vereador justifica que a energia solar possibilita uma economia de até 85% na conta mensal de energia, e hoje já está disponível a custo que compensa a instalação.

“Outras cidades do Brasil já aderiram a este tipo de energia, dando exemplos na economia financeira de seus municípios, usando esta economia para realização de serviços pendentes”, argumenta o vereador Fabio Brito, lembrando ainda que é dever do poder público buscar meios de gerar economia e investir em fontes de energia renováveis, como é o caso da energia solar.

COMO FUNCIONA - O sistema fotovoltaico, que vem sendo utilizado no Brasil e no mundo, tem como base painéis - formados por células fotovoltaicas – que são instalados em local que torne possível a maior captação dos raios solares. A radiação solar é convertida pelos painéis em energia (corrente contínua) e no interior do imóvel, um inversor converte a corrente contínua em corrente alternada (exatamente como aquela que é fornecida pela concessionária de energia).

O equipamento faz a interface com a rede elétrica (sincronismo e proteções) e um relógio bidirecional faz a medição da geração e do consumo de energia. A energia gerada além do consumo interno vai para a rede de distribuição, e passa pelo relógio de energia, que faz o controle, gerando assim um crédito de energia que poderá ser usado em até 60 meses.

Marcos Figueiró
Assessoria de Imprensa

Em reunião com Dona Neide, representantes do CIEE confirmam interesse por Tangará

Dona Neide (MDB) recebeu na manhã de quinta-feira, dia 14, os representantes do Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE), que confirmaram o interesse da instituição em se instalar em Tangará da Serra. Para a vereadora, a iniciativa merece todo apoio por parte do poder público municipal.

“Precisamos receber de braços abertos, porque é uma empresa que busca inserir os jovens de 14 a 22 anos no mercado de trabalho, o que realmente sabemos que é necessário”, explica a vereadora Dona Neide, ao lembrar que a CIEE é reconhecida como entidade de assistência social que, por meio de diversos programas de treinamento e estágio, possibilita a formação de jovens e adolescentes.

O supervisor da unidade de operação do CIEE, Emerson Redez, contou à vereadora que entre as ações desenvolvidas pela organização está o Programa Aprendiz Legal, desenvolvido em parceria com a Fundação Roberto Marinho. “Nossa intenção é dar oportunidade de empregos, com treinamentos e capacitação para os jovens que podem, inseridos no mercado de trabalho, tornarem-se cidadãos promissores”, afirmou o supervisor.

Os representantes foram acompanhados pela vereadora em visita a uma instituição privada e iniciaram diálogo para que as atividades iniciem na cidade em breve. Segundo a vereadora Dona Neide, há previsão de que em agosto as ações do Centro de Integração Empresa-Escola se iniciem em Tangará.

Marcos Figueiró
Assessoria de Imprensa

POLÍTICA - Fávaro defende cortes de regalias e reforma política urgente

Em entrevista à rádio Vila Real, nesta quinta-feira (14), Fávaro afirmou ser favorável a reforma do sistema político brasileiro, voto distrital e cortes à máquina pública

“É preciso tirar muitas regalias de cargos políticos”, afirmou Carlos Fávaro, que é pré-candidato ao senado, em entrevista na rádio Vila Real, nesta quinta-feira (14), ao ser questionado em como cortar as mordomias dos cargos do Executivo e Legislativo e sobre o atual sistema político brasileiro. Fávaro citou como exemplo de coerência entre discurso e a prática, a sua renúncia do cargo de vice-governador, em 05 de abril, para construir um novo projeto, o de senador por Mato Grosso.

“Abri mão do salário de vice-governador, da estrutura da vice-governadoria, veículos, seguranças, entre outras coisas. Não seria coerente eu construir um projeto ao senado e usar a estrutura paga com dinheiro público. Isso seria um desrespeito com a população. Acho que o assunto precisa ser rediscutido, tenho compromisso com essa postura, e fiz isso na prática”, disse Fávaro pontuando os cortes que fez enquanto vice-governador.

Quando foi vice-governador do estado, Fávaro reduziu, em 70%, os cargos comissionados e em 60% as despesas da Vice-governadoria. Mesmo assim, a equipe foi responsável por mais de 12 mil atendimentos no período de três anos e três meses. “Dissemos sim, não, demos encaminhamentos as solicitações da população, mas cumprindo o papel constitucional. Se não acabar com esses privilégios, não consertar a máquina pública”, pontuou Fávaro.

Indagado por um ouvinte sobre o que pensa a respeito do sistema político do Brasil e quais projetos ele poderia propor para mudar o atual cenário, onde políticos perpetuam no poder. Fávaro afirmou ser favorável a reforma política, ao voto distrital, e de cortes com mais rigor na máquina pública, trazendo economicidade e gestão pública.

“No Brasil, temos a democracia, é o melhor modelo, ainda que precise ser aperfeiçoada, mas a democracia é a chance que a população tem de buscar resolver seus problemas e necessidades. Percebo que é um novo momento, e precisamos de brasileiros que decidam por votar, pensem sobre as propostas, discutam e cobrem os políticos, como já vem fazendo”, explicou.

Sobre a ligação de políticos com empresas que têm negócios com instituição pública, Fávaro disse que é preciso escolher, entre ser político ou empresário. “Eu sou empresário da agropecuária, tenho uma pequena propriedade com a minha família, mas não disputo nenhum contrato público. Quem quiser ter contrato público, saia da política, tem que dar transparência e exemplo”, finalizou Fávaro.

Fonte: Dialum Assessoria de Imprensa

Feira de confecções soluciona lacuna de fornecedores no interior

Em cidades do interior de Mato Grosso fazer negócio pode ser tarefa difícil. O principal problema enfrentado pelos lojistas na maioria das vezes é a falta de acesso aos fornecedores. As lojas Lenita, com atuação em Sorriso (396 Km de Cuiabá) e Lucas do Rio Verde (334 km de Cuiabá), encontraram a solução para ganhar tempo e manter competitividade: participar de feiras com todos os nomes do mercado.

Cleivi Anita Zanatta Valdameri, uma das sócias responsáveis pelas lojas Lenita, planeja sua participação na 6ª edição da Femoda, feira de calçados confecções e acessórios que ocorrerá em Cuiabá entre os dias 22 e 24 de julho. Ela comentou sobre as vantagens.

“Com certeza é muito mais rápido. Se num dia normalmente eu consigo contato com dois ou três fornecedores de calçados, numa feira eu consigo trabalhar com mais de 10 fornecedores. Então eu tenho muito mais rendimento”, afirmou.
A última edição da feira, realizada em janeiro deste ano, movimentou significativamente a economia local. Exatos 74 estandes de 61 representantes negociaram R$ 23 milhões em mercadorias. O público do evento foi de 1.200 pessoas. Em 2018 as projeções são de números ainda maiores. A 6ª edição da Femoda já possui 75 estandes confirmados, com estimativa de negociação valorada em R$ 25 milhões.

Além de ganhar tempo, Cleivi Anita entende que a reunião de vários fornecedores no mesmo espaço possibilita uma seleção melhorada das coleções. “Está tudo na vitrine. Consigo definir qual é a minha prioridade, qual marca eu preciso comprar”, comentou a empresária. Outro diferencial é trazer a fonte dos materiais ao local da futura venda.

“O fornecedor conhecer a região faz toda a diferença. Ele consegue me indicar qual o produto melhor para que eu possa comprar. Ele consegue auxiliar sobre qual o produto vai girar mais rápido na minha loja”, explicou Cleive.

A 6ª edição da Femoda, realizada pela Associação dos Representantes Comerciais de Mato Grosso (Assorep), ocorrerá no Cenário Rural, em Cuiabá, dos dias 22 a 24 de julho, das 9h às 19h. Para participar basta se inscrever pelo site www.femoda.com.br.

Fonte: Pau e Prosa Comunicação

Vereadores votam RGA na sexta-feira, em sessão extraordinária

Hélio da Nazaré (PSD) convocou os vereadores tangaraenses para uma sessão extraordinária que será realizada na sexta-feira, dia 15, às 15h00, no Plenário Vereador Daniel Lopes da Silva. O objetivo é votar o Projeto de Lei 075/2018, de autoria do Poder Executivo Municipal, que concede revisão geral anual e reajuste salarial dos servidores públicos municipais do Poder Executivo e autarquias (SAMAE E SERRAPREV).

"Em observância ao disposto no inciso X do artigo 37 da Constituição Federal, cominado com o artigo 127 da Lei Orgânica Municipal e parágrafo 4º do artigo 22 da Lei 2875/2008 que prevê expressa e obrigatoriamente a revisão geral anual dos vencimentos dos servidores públicos municipais”, afirma a mensagem assinada pelo prefeito Fabio Martins Junqueira (MDB), que acompanha o projeto.

Segundo a justificativa, a proposta foi elaborada na forma apresenta aos parlamentares em virtude da situação econômica do País, que repercute na arrecadação dos municípios, e em virtude da queda dos repasses de transferências constitucionais e da própria receita tributária municipal. Os percentuais propostos, explica a mensagem, resultam de levantamentos realizados pela Secretaria Municipal de Planejamento.

O QUE DIZ O PROJETO – O texto protocolado na Câmara autoriza o Poder Executivo Municipal a conceder revisão geral anual (RGA) a todos os servidores públicos municipais, no percentual total de 3,99% a partir de 01 de maio de 2018, e mais 1,69% a partir de 01 de setembro de 2018, totalizando um percentual cumulativo de 5,75% para o quadro civil do Poder Executivo Municipal e do quadro do magistério do Município de Tangará da Serra, referentes a perda salarial dos períodos de 01 de maio de 2016 a 30 de abril de 2017 e do período de 01 de maio de 2017 a 30 de abril de 2018.

O projeto tramita em regime de Urgência Especial e será discutido e votado em único turno de votação, após receber os pareceres das comissões permanentes. A sessão terá início às 15h e será transmitida ao vivo pela TV Câmara (canal 02 da TV a cabo), e pela internet através do canal oficial da Câmara Municipal de Tangará da Serra no Youtube.

Marcos Figueiró
Assessoria de Imprensa

Câmara rejeita projeto que regulamentava antenas em Tangará

Por unanimidade os vereadores tangaraenses rejeitaram o Projeto de Lei 155/2018 que regulamentava a implantação de Estações Rádio Base (ERBs) em Tangará da Serra. A proposta, discutida amplamente na Câmara, voltou ao plenário na sessão de terça-feira, dia 12, depois de um período de vistas de 45 dias solicitado pelo vereador Professor Sebastian (PSB). Nesse prazo a Câmara aguardava resposta do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações ao Ofício 187/2018 em que solicitou parecer técnico a respeito da proposta de regulamentação municipal.

Na discussão do projeto os vereadores Wilson Verta (PSDB), Fabio Brito (PSDB), Ronaldo Quintão (PP), Professor Vagner (PSDB), Claudinho Frare (PSD) e Rogério Silva (MDB), ressaltaram a importância da análise técnica apresentada pelo Ministério das Comunicações. Para Claudinho Frare é pertinente a preocupação com o tema, mas o poder de legislar, a disposição do poder público municipal, deve levar em consideração o conhecimento especializado.

No parecer, encaminhado à Câmara pelo chefe de Gabinete do Ministério das Comunicações Carlos Koji Takahashi, o representante da Secretaria de Comunicações Laerte Davi Cleto informa que o parecer técnico do Departamento de Telecomunicações é pela retirada do projeto. Entre os problemas apontados estão impropriedades, inconsistências, questões já regulamentadas por legislação federal, duplicidade de exigências e excesso de burocratização.

“Ademais, causa estranheza a exigência de laudo radiométrico da estação antes mesmo de sua instalação (...) ressalta-se que todos os equipamentos de telecomunicações comercializados no país necessitam ser homologados pela Anatel, de modo que também não faz sentido sua exigência pelo Município”, diz trecho do documento citado pelos vereadores como exemplo de problemas do projeto.

Ainda durante a discussão do PL 155/2017, o vereador Rogério Silva ressaltou que um novo projeto pode vir a ser apresentado no futuro, com mudanças que considerem os pontos apresentados no parecer técnico, mas reconheceu que da forma que está o projeto é inviável. Com a rejeição por parte da Câmara, a proposta de regulamentação só pode voltar a tramitar se tiver nova redação.

HISTÓRICO – Tramitando na Câmara desde outubro de 2017, o PL 155 é a segunda tentativa do Poder Executivo Municipal de regulamentar a instalação de antenas de telecomunicações (ERB) em Tangará da Serra. A primeira foi em 2016, quando o projeto chegou a ser rejeitado pelos vereadores da 12ª Legislatura. Na atual, o projeto recebeu vários pedidos de vista e chegou a ser tema de audiência pública realizada no dia 12 de março, quando prefeito, vereadores e representante do Ministério Público ouviram representantes de empresas do setor.

Marcos Figueiró
Assessoria de Imprensa

Violência contra Idoso sera tema de palestra

Amanhã, dia 15 de junho, será comemorado o Dia Mundial do Enfrentamento da Violência Contra Pessoa Idosa. Para celebrar a data, a Prefeitura Municipal juntamente com o Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) realizará nesta sexta-feira, 15, a partir das 8h, um ciclo de palestras no Teatro Municipal para tratar sobre o assunto.

De acordo com a coordenadora do Creas, Sônia Regina Rodrigues, o objetivo é chamar a atenção da sociedade sobre essa problemática, sendo que o número de idosos tem crescido consideravelmente com o passar dos dias.

“Nós temos percebido que a cada dia tem menos filhos, que muitas das vezes não estão devidamente preparados para dar a atenção que o idoso precisa, então é importante todos estarem por dentro. Saber dos cuidados evita qualquer tipo de violência que eventualmente o idoso pode vir sofrer”, comentou a coordenadora, destacando que os tipos de violência mais frequentes são psicológica e financeira. “Aqui em Tangará da Serra, atualmente o Creas acompanha 23 casos. Tem outros que já passaram pelo devido atendimento, mas que continuam recebendo nossas visitas. Quando recebemos a denúncia, vamos in loco acompanhar para tomar as devidas providências”, explicou a responsável, que convida toda a população para participar do evento.

“Vamos debater sobre os tipos mais frequentes de violência. Então, todas as pessoas que quiserem, podem participar desse evento. Normalmente, os idosos que participam dessas atividades, mas convidamos toda a sociedade, universidades, todos que tem idosos na família”, convidou a coordenadora. O ciclo de palestra conta com parceria do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa, Sala da Mulher e Secretaria de Assistência Social.

Fonte: Rodrigo Soares - Redação DS

17ª Edição do Arraiá da Serra inicia nesta quinta

A Prefeitura Municipal de Tangará da Serra, por meio da Secretaria Municipal de Turismo e Departamento de Cultura, promove a partir da noite desta quinta-feira, 14 de junho, a 17ª edição do ‘Arraiá da Serra’ e 19º Concurso ‘Viva São João’ de Danças Juninas. 

Assim como nos anos anteriores, o evento acontecerá nas dependências do Módulo Esportivo, local adaptado para receber os tangaraenses nas três noites de festança. “Está tudo pronto para realizarmos mais um Arraiá da Serra e Concurso de Quadrilhas, que neste ano contará com a animação de três bandas: a Forró Beat e Tá Fervendo nesta quinta e sexta-feira, e para fechar o festa, no sábado, as bandas Forró Beat e Forró Perfeito”, destaca o secretário Municipal de Turismo, José Bernadino Filho, ao afirmar que a expectativa é receber mais de 15 mil pessoas nas três noites de a festa – número superior ao do ano passado. “Por isso queremos convidar toda a população tangaraense e da região para que venham prestigiar mais esta edição do Arraiá da Serra. Um evento para toda a família, num local agradável e com toda a estrutura necessária”. 

O tradicional evento junino segue até sábado, dia 16 de junho, com muita animação. Além de muito forró e apresentações juninas, no local estarão seis barracas com comidas típicas da festa. As barracas ficarão a cargo de universitários e uma particular. 

CONCURSO – Divididos em três categorias, cinco grupos se inscreveram para participar do Concurso ‘Viva São João’ de Danças Juninas. Nesta quinta-feira, 14, se apresentarão os grupos Bicho da Goiaba, do Centro Municipal de Ensino Gentila Suzin Muraro, pela categoria 2 (de 07 a 13 anos) e Os de Fora, pela categoria 3 (grupos Independentes). Na sexta-feira, 15, se apresentam os grupos Progresso, da Patriarca da Independência; Joaquim do Boche, da Escola Antônio Hortolani; e Aldeia Formoso, todos pela categoria 1 (acima de 13 anos). No sábado se apresentam os campeões. 

Os participantes serão avaliados pela coreografia, figurinos e adereços, sincronia dos dançarinos, trilha sonora, tempo de apresentação, originalidade da dança, desenvolvimento cênico, criatividade e puxador ou cantador. Como premiação os primeiros colocados ganharão um notebook e troféus.

Durante as três noites a entrada será gratuita, sempre com início da festa às 19h e término às 2 da manhã.

Fonte: Fabiola Tormes - Redação DS

Tangaraenses conquistam primeiros lugares em Campeonato de Judô

Cinco atletas tangaraenses participaram neste final de semana, 9 a 10 de junho, da primeira etapa do Campeonato Estadual de Judô, realizado em Campo Verde.

Acompanhados pelo atleta e professor, Ronaldo Nascimento, os judocas competiram em categorias diferentes e todos eles trouxeram medalhas para casa. “Foi um grande evento com um resultado gigantesco, pois fomos em cinco atletas e todos subiram no pódio para serem premiados, cada um em sua categoria. Fiquei surpreso com a dedicação de cada um, pois representaram bem os projetos aos quais fazem parte”, comemorou o Sensei Ronaldo Nascimento. 

Vinicius Martins e Richard B de Souza competiram pela categoria Sub11 e conquistaram o 1º e 3º lugares, respectivamente; Erick Rodrigues, na Sub13, ficou em 3°lugar; Yasmin da Silva Souza conquistou o 2° lugar (categoria Sub18) e Ronaldo Nascimento, pela Sênior, ficou em primeiro. 

Os judocas são atletas do ‘Projeto Judô nas escolas’, no Joana D’Arc, com exceção da Yasmin que é atleta do projeto ‘Crianças Primeiro’, do Lions Tangará. “Gostaria de agradecer a Secretaria Municipal de Esporte de Tangará da Serra pelo apoio e confiança no potencial de cada atleta. Desde já estamos nos preparando para a próxima etapa que será no mês de julho, em Sinop”.

Fonte: Fabíola Tormes - Redação DS

Unitan inova em Campanha para atrair doadores

Desde 2014, a Organização Mundial da Saúde (OMS) instituiu 14 de junho como o Dia Mundial do Doador de Sangue.

Em Tangará da Serra, a data será lembrada de uma forma bastante diferente e animada.

A campanha será realizada do dia 15 ao dia 21, e cada doador que for até a Unidade de Coleta Transfusão de Sangue (Unitan) de Tangará da Serra terá a possibilidade de desafiar alguém para repetir a boa ação, que até o momento é a única capaz de salvar uma vida, caso haja a necessidade de uma transfusão.

Segundo a enfermeira coordenadora da Unitan, Juliana Marinho Gramarim Costa, a campanha será realizada em parceria com a Univida, idealizadora da ideia. “No dia 14 faremos um dia de coleta lá na Univida, com os colaboradores da empresa, mas no dia 15 iniciamos a campanha aqui e a ideia é que cada pessoa que doar faça o desafio para que outra pessoa também venha fazer a doação. Esperamos que a população abrace a campanha como sempre acontece”, comentou a enfermeira.

Embora o estoque esteja dentro do aceitável, Juliana salienta que as doações não são somente para o Município, portanto, há a necessidade de haver uma rotina nas mesmas, que em meses de férias, que se aproximam, tende a a cair e a procura aumentar. “Para manter o estoque temos que todo mês fazer uma campanha, por isso, já temos o cronograma montado do ano em parceria com faculdades, prefeitura, empresas e outros, porque em alguns meses o número de doações caem bastante”, frisou a responsável. “Quero convidar a população a vir até a Unitan e fazer sua doação, pois quando uma pessoa tem a necessidade só outra pessoa pode doar porque o sangue não pode ser fabricado, portanto é verdadeiramente um ato de amor”, ressaltou Gramarim.

Fonte: Rosi Oliveira - Redação DS

Lions Tangará promove Chá Beneficente "O Espelho e Eu"

“Olhar-se ao espelho e dizer-se deslumbrada: Como sou misteriosa. Sou tão delicada e forte”, de Clarice Lispector. Esse mistério, fortaleza, delicadeza e, especialmente, a beleza da mulher tangaraense que será revelada na passarela do Lions Clube Tangará da Serra, durante o Chá Beneficente ‘O Espelho e Eu’. 

Para mais esta edição do evento, que acontecerá no dia 30 de junho, a partir das 15h, na sede social do Lions Clube, cerca de 450 mulheres estão sendo aguardadas para uma tarde de muita descontração. “Será um evento totalmente voltado às mulheres de Tangará da Serra e região. Uma tarde onde diferentes belezas serão reveladas através de um belíssimo desfile de moda e com a presença de nossas convidadas”, destaca a presidente do Lions Clube Tangará, Neureci Lima de Andrade. “E desde já queremos convidar todas as mulheres para que venham passar a tarde com a gente”.

Além do chá gelado (marca registrada do evento) e das diversas guloseimas que serão servidas, o público ainda irá conferir um desfile com roupas femininas, masculinas e acessórios com as lojas DanTom Multimarcas e Espaço da Moda. “Vamos levar o que é jovem e moderno da moda festa, casual e plus size, mostrando na passarela os diferentes tipos de mulheres brasileiras, acompanhados pelos tons do O Boticário”, revela a responsável pelo desfile da Espaço da Moda, Andreia Missio. 

Aquelas que ainda não compraram seu convite, os mesmos podem ser adquiridos com as associadas do clube por apenas R$ 50, com direito a concorrer a diversos prêmios surpresas e ainda a uma diária para casal no Malai Manso Resort, uma bolsa Clutch e um vale-compras da Marca Dudalina. 

Vale destacar ainda que a renda do evento será destinada aos projetos sociais que o clube desenvolve, como o banco de cadeiras de rodas e banho, auxílio aos pacientes em tratamento contra o câncer, auxílio a famílias carentes, entre outros. 

Fonte: Fabíola Tormes - Redação DS

Infestação do Aedes cai 91% em Tangará


A Secretaria Municipal de Saúde de Tangará da Serra, por meio da Vigilância em Saúde Ambiental, realizou mais um Levantamento de Índice Rápido para Aedes aegypti (LIRAa), que apontou uma queda significativa de 91.52% em comparação com as últimas pesquisas realizadas nesse ano. 

Conforme o resultado, no levantamento realizado no mês de março Tangará da Serra apresentava risco de epidemia, com alarmante 7.1% de infestação. Já na última pesquisa, o Município apresentou queda brusca nos números, chegando em 0.6%.

De acordo com o secretário de Saúde, Itamar Bonfim, o resultado foi mais que satisfatório, sendo que a meta estipulada pelo Ministério de Saúde é que o índice não ultrapasse 1%.

“Isso é resultado do trabalho efetivo que vem sendo realizado pela nossa equipe, que alcança mais de 85% de cobertura em todas as localidades através de revisão e tratamento. Onde nossos agentes acham larvas, já fazem o trabalho de tratamento. A cobertura nas residências, terrenos e borracharias é essencial, então parabenizo nossa equipe”, elogiou o secretário, destacando que a população também tem feito o dever de casa.

Serraprev instala Academia para Servidores

Fortalecer os músculos e as articulações; diminuir o risco de diversas doenças, o estresse, a depressão e a ansiedade. Esses são alguns dos benefícios da prática de exercícios na academia ao ar livre, que, além de contribuir com a saúde, também contribui com o bolso, pois sua prática é gratuita. 

Pensando nesses e outros benefícios, que o Instituto Municipal de Previdência Social dos Servidores do Município de Tangará da Serra (Serraprev) instalou em sua sede uma academia ao ar livre aos servidores. “Uma academia para os servidores da ativa, aposentados e pensionistas”, afirma o diretor Heliton Luiz de Oliveira (Leto), ao destacar que o conjunto de aparelhos foi adquirido pelo Instituto Municipal, com recursos próprios. “Foi um investimento de R$ 15 mil, com principal intuito de melhorar a qualidade de vida dos servidores”. 

Câmara discutirá Legislação do Samae no próximo dia 29

Claudinho Frare (PSD) presidirá a Audiência Pública que vai debater a atualização da legislação referente ao Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae) de Tangará da Serra. O vereador é autor do requerimento 051/2018, aprovado na sessão do dia 12 de abril, que propôs a discussão do tema.

“O objetivo da Audiência Pública é debater os problemas existentes nas cobranças dos serviços do Samae e a necessidade de atualização da legislação. Nós entendemos que há pontos que podem ser alterados, principalmente para que a atualização dos valores fique atrelada a aprovação por parte da Câmara Municipal, uma vez que hoje não é isso que acontece”, conta o vereador Claudinho Frare, ao lembrar que recentemente o Poder Executivo Municipal promoveu aumento da conta de água através de decreto.

Além disso, explica Frare, há outros pontos na legislação que permitem cobranças consideradas por ele injustas, como a possibilidade de que taxa de esgoto e lixo sejam cobradas de imóveis fechados. “Estamos fazendo um levantamento completo dos pontos que podem ser melhorados na nossa legislação e vamos levar isso para ser discutido com a sociedade”.

A audiência será realizada no próximo dia 29 de junho, às 19h. 

Marcos Figueiró
Assessoria de Imprensa

Sicoob oferece as melhores soluções em Cobrança Bancária

O Sicoob possui um serviço de Cobrança Bancária para empresas e pessoas físicas com soluções modernas e competitivas que se encaixam perfeitamente nas necessidades dos associados. Além destas vantagens e do atendimento personalizado, que é uma marca do Sicoob, ao utilizar o produto o cooperado ajuda a incrementar o resultado financeiro da cooperativa, gerando receitas que retornam para ele.

Com preços que são compatíveis com os praticados no mercado, a Cobrança Bancária Sicoob coloca à disposição do associado um software moderno, seguro e gratuito para administração de sua carteira. Ele garante uma gestão eficiente e moderna dos recebimentos e o controle é disponibilizado on-line. O envio eletrônico de boletos por e-mail ao sacado permite redução de custos operacionais e de material e o cooperado pode ainda obter a segunda via de boletos por meio do site www.sicoob.com.br.

A cobrança Sicoob é segmentada em carteiras divididas em modalidades. Na “Carteira Simples” os valores são creditados no prazo definido em contrato e é permitida a inserção de instruções de alteração de vencimento e concessão de abatimento para títulos com registro. Na “Carteira Garantida” a cooperativa poderá antecipar (descontar), vincular ou caucionar o valor dos títulos por meio de uma operação de crédito.

O Sicoob oferece também serviço de protesto de títulos. Ele é prestado por meio de convênio com o banco correspondente e é possível, inclusive, realizar protestos de forma automática.

Além disso, o Sicoob possui uma grande rede de atendimento, formada por cooperativas e, também, por correspondentes cooperativos contratados. Em situações de títulos vencidos, é disponibilizada ferramenta on-line para emissão de segunda via com data e valores atualizados, possibilitando o pagamento em qualquer instituição financeira. Adicionalmente, existe ainda a opção de emissão por meio do banco correspondente, que possui grande capilaridade no território nacional.

Com a Cobrança Bancária Sicoob o associado tem a possibilidade de um maior planejamento financeiro, redução da inadimplência e de antecipação de recursos para os momentos de grande necessidade. Ele usufrui de um sistema moderno, eficiente e com a tecnologia de ponta do Sicoob, com a vantagem de agregar renda à sua cooperativa.

Fonte: Pau e Prosa

Expo Varejo 2018 reúne indústrias e varejistas em agosto na capital de MT

Indústrias e fornecedores para supermercados, padarias e hotéis de Mato Grosso têm um encontro marcado entre os dias 7 e 10 de agosto, na “Expo Varejo”, feira de negócios que acontece no Centro de Eventos do Pantanal, em Cuiabá (MT). Além de estandes de fornecedores de produtos, equipamentos e tecnologia, com as últimas tendências e novidades para o setor, o evento oferecerá oficinas e palestras com alguns dos mais importantes nomes do cenário nacional.

O empresário Leandro Laux, da LX BR Eventos, promotora da feira, explica que a ideia da “Expo Varejo” surgiu a partir da constatação de que o mercado está carente de eventos voltados para o varejo. Outro objetivo, e talvez o mais importante, salienta, é colocar frente a frente a indústria de Mato Grosso e os potenciais compradores, fomentando a economia no âmbito do estado.

“A pequena e a média indústrias muitas vezes não conseguem chegar ao mercado de forma mais abrangente, restringindo-se aos municípios em que estão instaladas e os que ficam no entorno”, argumenta.

Há inclusive preocupação com o desenvolvimento do setor industrial, acrescenta Leandro. Nesse sentido, ele destaca como exemplo o seminário “Indústria Forte, Estado Forte”, que será realizado em conjunto com a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sedec). Estão previstas ainda palestras com nomes como Mário Gazin, fundador do Grupo Gazin; Edson Souza, fundador do PDV Criativo; e Márcio Rodrigues, presidente do Instituto Tecnológico de Panificação e Confeitaria (ITPC). Leandro destaca ainda a realização de eventos importantes dentro da feira, como o 3º Encontro Comercial Hotelaria e Negócios,

“Nesta, que está sendo considerada a maior feira de varejo de Mato Grosso, os visitantes vão encontrar fornecedores de equipamentos, softwares e produtos para revenda. Ou seja, toda cadeia vai estar presente. Além disso, haverá inúmeras oportunidades para quem quiser reciclar ou aperfeiçoar conhecimentos em diversas áreas ligadas à indústria e ao varejo”, resume.

A Expo Varejo é organizada pela Duai Marketing & Eventos e conta com apoio da GMA Propaganda.

Mais informações sobre a feira podem ser obtidas no site www.expovarejo.com.br.

Fonte: Pau e Prosa Comunicação

Dona Neide solicita de deputados empenho junto ao Estado pela recuperação do Anel Viário

Dona Neide (MDB) encaminhou pedido aos deputados estaduais Wagner Ramos (PSD) e Saturnino Masson (PSDB) para que façam empenho junto ao governador Pedro Taques (PSDB) pela recuperação do Anel Viário, entre o trevo da Melancia e a MT 480, em Tangará da Serra. A vereadora também pediu a recuperação da MT 358 entre Tangará e Itanorte.

“O Anel Viário ajuda a desviar os caminhões do centro da cidade, mas nos últimos dias ocorreram graves acidentes chegando a ceifar a vida de pessoas que transitavam por esse local”, conta a vereadora ao afirmar que muitos acidentes são ocasionados pelos buracos que forçam os motoristas a invadirem a pista contrária.

A parlamentar justifica a importância do Anel Viário ao lembrar que além de ser um desvio da região central, evitando o tráfego de caminhões pesados pela região central, também é uma das principais vias de acesso para os principais bairros da cidade e para os frigoríficos e indústrias que mais geram empregos e renda no município, sendo utilizada diariamente pelos trabalhadores.

A vereadora também cobrou dos deputados estaduais que levem a Secretaria de Estado de Infraestrutura a reivindicação pela recuperação da MT 358 até Itanorte. “A MT 358 é uma das principais vias aos municípios de Tangará da Serra, Campo Novo dos Parecis, Sapezal entre outras cidades, e nos últimos dias recebemos reclamações de motoristas revindicando o conserto de recuperação deste percurso, por causa da quantidade de buracos entre Tangará da Serra até a Itamarati Norte”, afirma.

Segundo Dona Neide, quem percorreu esse trecho nos últimos dias tem reclamado da situação da estrada. “A situação é preocupante pois os motoristas reclamam que os buracos geram problemas mecânico nos veículos e ainda colocam em risco a vida de quem passa pelo local”, diz a vereadora.

Marcos Figueiró
Assessoria de Imprensa

Dia dos Namorados será comemorado com 1ª Corrida Love Run

O amor está no ar. Na próxima terça-feira, 12 de junho, os brasileiros apaixonados comemoram o Dia dos Namorados. Para comemorar a data, a Sett Assessoria Esportiva está programando a 1ª Corrida Love Run. 

O evento esportivo acontecerá no dia 17 de junho (domingo próximo), com largada as 7h e percurso de 5 e 10 quilômetros na Avenida Zelino Lorenzetti. “A corrida foi pensada como forma de homenagear os apaixonados, sejam eles casados, namorados ou aqueles que estão à procura de um amor. Logo a pessoa pode correr junto ao seu love ou ir sozinha”, explica a professora Anelisa Abelha, ao destacar que o objetivo maior é promover o esporte através da corrida de rua.
 
Aos interessados em participar da prova, a responsável alerta que as inscrições seguem até este domingo, dia 10 de junho e deve ser feita pelo site www.morro-mt.com.br. “A corrida é aberta a todos que queiram participar”, convida, ao frisar que são apenas 120 vagas. “Será uma excelente oportunidade para quem quer se desafiar, se superar. Contamos com a presença de todos que possam estar conosco nesse evento apaixonante”.

A prova terá premiação com medalha finisher para todos participantes, e também troféus do primeiro ao quinto lugares para categoria geral masculino e feminina.

Fabíola Tormes / Redação DS

Zedeca reivindica de Taques retomada das obras da MT 339

Melquezedeque Ferreira Soares (MDB) encaminhou ao governador do Estado, Pedro Taques (PSDB), pedido para que a Secretaria de Estado de Infraestrutura retome urgentemente as obras de asfaltamento da MT 339. O vereador também cobrou, por requerimento, cópia do projeto de pavimentação e a data prevista para a conclusão das obras.

“É inegável a importância da obra para Tangará da Serra e para a região e o Governo de Mato Grosso, infelizmente, tem deixado muito a desejar quanto ao acompanhamento e o andamento das obras de pavimentação. Então, estamos cobrando que o Governo faça sua parte e termine a obra que começou, até para mostrar que a finalidade desse asfalto é realmente atender a população e não eleitoral”, afirma o vereador Zedeca.

Segundo informações do próprio Governo, o convênio 040/2014 prevê o asfaltamento da MT-339, ligando a MT- 358, em Tangará da Serra, até a comunidade panorama no município de Rio Branco. A obra é considerada estratégica para Mato Grosso, pois viabilizará o escoamento da produção pelo Porto Fluvial de Cáceres.

Além disso, a MT 339 tem um aspecto social muito forte já que passa dentro do maior assentamento de Mato Grosso, o Antonio Conselheiro. Em 2016, quando o início da construção foi anunciado pelo governador Pedro Taques, a previsão era de investimento de mais de R$ 120 milhões, sendo R$ 9,6 milhões somente na primeira etapa de 20 quilômetros.

“Queremos saber detalhes da aplicação desses recursos, se a obra vai ser tocada até o final e como isso está sendo realizado, porque a população precisa e está esperançosa de que saia do papel esse tão sonhado asfalto da MT 339”, conclui Zedeca.

Marcos Figueiró
Assessoria de Imprensa

Lar do Idoso de Tangará vai receber gerador de energia solar

O deputado Saturnino Masson (PSDB) está destinando por meio de suas emendas parlamentares R$ 75.000,00 para a aquisição e instalação de um gerador fotovoltaico para o Lar do Idoso de Tangará da Serra. 

O gerador fotovoltaico ou gerador de energia solar é um dispositivo que converte a energia do sol em energia elétrica para ser usada em residência ou empresa. De acordo com o parlamentar a destinação dessa emenda para a compra do gerador vai possibilitar a redução do valor da energia elétrica no Lar dos Idosos e consequentemente deverá sobrar mais recursos para eles invistam em outras demandas. 

“Com o aumento da conta de luz e do aquecimento global causado pelo consumo exagerado de combustíveis fosseis, o gerador de energia solar está se tornando cada vez mais uma excelente opção para produzir a sua própria energia elétrica com a Luz do Sol”, afirmou o parlamentar. 

Para o diretor financeiro da instituição Rubens Jolando o Lar do Idoso tem um custo de R$1.800,00 por mês com energia elétrica. “Com essa destinação poderemos diminui e muito o custo da energia no Lar, além disso, poderemos colocar forno elétrico e economizar o gás de cozinha. Toda ajuda é bem vinda, pois gastamos anualmente R$ 900.000,00 e temos funcionários 24 horas por dia para atenderem 35 idosos”, disse Jolando. 

Fonte: Rosângela Milles/Assessoria de Gabinete